Ex-desbravadores: Vítimas de abuso sexual entram com ação contra a Associação Geral da IASD

Há exatos seis meses, este rumoroso caso de omissão criminosa da liderança adventista choca a comunidade adventista nos Estados Unidos. Desde então, aguardava-se um pronunciamento de nossos líderes a respeito, mas estes preferiram a técnica do “abafa  o caso” e nenhuma linha sequer foi publicada a respeito em nossos periódicos denominacionais. Nem mesmo para desmentir números chocantes referentes a abusos sexuais na Igreja Adventista do Sétimo Dia, divulgados pelos advogados que a processam.

sexual-abuse-sdaEles alegam que a saga Les Bovee é parte de um problema sistêmico muito maior dentro da igreja Adventista do Sétimo Dia. De acordo com documentos da própria Igreja Adventista do Sétimo Dia, “nas últimas duas décadas (1992 – 2011), mais de 400 reclamações foram feitas contra a IASD nos Estados Unidos, envolvendo mais de 525 crianças vítimas de abuso. O custo incômodo para a igreja, só nos EUA, já ultrapassou 30 milhões de dólares.”

“Infelizmente, nós acreditamos que essas vítimas sejam apenas a ponta do iceberg do problema de abuso sexual de crianças no âmbito da Igreja Adventista do Sétimo Dia,” concluem.

Joseph_Davis_20130711131406_640_480Em julho de 2013, um ex-funcionário da sede mundial da Igreja Adventista do Sétimo Dia em Montgomery County foi condenado a 150 anos de prisão no Tribunal de Howard County Circuit, por abusar sexualmente de três meninas com idades entre 5 e 8. Joseph Edgar Davis, de 40 anos, também foi considerado culpado de pornografia infantil depois que 80 imagens pornográficas das meninas sendo estupradas por ele foram encontradas no computador do trabalho de Davis na sede da Conferência Geral da Igreja Adventista do Sétimo Dia, localizada em Silver Spring.

Confira a ínegra do texto publicado em 26 de agosto de 2014 por Peter Janci, no site: http://www.kellyclarkattorney.com

les-bovee-blurryPortland, Oregon: Na terça-feira, 26 de agosto de 2014, duas vítimas de abuso sexual de crianças falaram com a imprensa após uma ação judicial contra a sede mundial da Igreja Adventista do Sétimo Dia (IASD), que é a denominação cristã de crescimento mais rápido nos Estados Unidos nos últimos anos, com mais de 17 milhões de membros e 72.000 igrejas ao redor do mundo.

A ação de hoje alega que a Igreja Adventista do Sétimo Dia, conscientemente nomeou um predador sexual confesso para servir como líder em um programa de jovens da Igreja. O autor dos crimes — Leslie “Les” Bovee — começou seu serviço como líder no programa de jovens da Igreja Adventista do Sétimo Dia, conhecido como “Clube de Desbravadores” em torno de 1972 em Junction City e Veneta, Oregon (perto de Eugene).

Documentos judiciais indicam que, nos anos anteriores à sua nomeação como líder dos Jovens Adventistas, Bovee foi alvo de vários processos criminais de abuso sexual de crianças na área de Roseburg. Ele foi condenado e preso por abusar sexualmente de meninos em 1970 – antes de ser nomeado um líder de jovens na Igreja. A ação de hoje alega que a Igreja Adventista do Sétimo Dia sabia sobre essas condenações, mas decidiu nomeá-lo líder de jovens de qualquer maneira.

As vítimas são representadas pelos advogados Steve Crew e Peter Janci do escritório de O’Donnell Clark e Crew LLP, que freqüentemente lidam com casos de abuso sexual infantil contra a Igreja Adventista do Sétimo Dia e outras grandes instituições, incluindo os Escoteiros da América, a Igreja Mórmon e a Igreja Católica.

“Temos a intenção de provar que a Igreja Adventista do Sétimo Dia sabia que Les Bovee era um pedófilo e molestador de crianças antes mesmo de deixá-lo entrar. Portanto, eles falharam em não avisar os pais, não informar a polícia e não impedir que esse homem se aproximasse das crianças “, disse Crew. “Em vez disso, a Igreja Adventista do Sétimo Dia escolheu conscientemente deixar um “lobo guardar o rebanho.”

Bovee era o líder do programa de “Desbravadores” da igreja local. De acordo com um site da própria Igreja Adventista do Sétimo Dia (IASD), o Clube de Desbravadores é uma “organização mundial de jovens patrocinad pela Igreja Adventista do Sétimo Dia.” O programa Clube de Desbravadores é paradidático, mas de resto é semelhante aos escoteiros — incluindo uniformes e distintivos e passeios, como acampamentos e treinamento de habilidades de sobrevivência.

Bovee deteve uma posição de autoridade sobre os jovens por quase uma década. Pouco depois que Bovee foi apontado como líder de jovens, funcionários da IASD começaram a receber relatos de que ele estava envolvido em má conduta sexual com crianças. Nesse período como líder da juventude, Bovee foi então indiciado por acusações relacionadas a abuso sexual infantil. No entanto, Bovee foi autorizado a continuar como líder de jovens da igreja. Para piorar, nesse ponto, a Igreja ainda promoveu Bovee para o cargo de “Coordenador Distrital” para o programa de Desbravadores — onde ele iria supervisionar a juventude em várias igrejas adventistas, incluindo tanto igrejas adventistas das cidades de Veneta e Junction. Os advogados das vítimas acreditam que ele abusou de um número incontável de ​​meninos.

“Este não é um caso em que todo mundo está olhando para trás e desejando que eles houvessem visto algum sinal de alerta. Temos a intenção de provar que a Igreja sabia que o homem era um predador quando o colocou a cargo das crianças, e o mantiveran naquela posição mesmo depois de receber relatos de que ele estava abusando de crianças. Temos a intenção de provar que a Igreja traiu a confiança das crianças, seus pais e da comunidade “, disse Janci. “E, infelizmente, esse não é um incidente isolado.”

Advogados dos queixosos alegam que a saga Les Bovee é parte de um problema sistêmico muito maior dentro da igreja Adventista do Sétimo Dia. De acordo com documentos da própria Igreja Adventista do Sétimo Dia, “nas últimas duas décadas (1992 – 2011), mais de 400 reclamações foram feitas contra a IASD nos Estados Unidos, envolvendo mais de 525 crianças vítimas de abuso. O custo incômodo para a igreja, só nos EUA, já ultrapassou 30 milhões de dólares.” Os advogados das vítimas são claros: “Infelizmente, nós acreditamos que essas vítimas sejam apenas a ponta do iceberg do problema do abuso sexual de crianças no âmbito da Igreja Adventista do Sétimo Dia.”

As vítimas esperam que, ao propor esta açãojudicial — e chamar a atenção para esta questão – vão ajudar as crianças da Igreja Adventista do Sétimo Dia de hoje a ficarem mais mais seguras. “Estamos apenas tentando fazer a nossa parte para ajudar a garantir que este tipo de situação não volte a acontecer.”

Entre outubro de 1979 e janeiro de 1980, Bovee foi indiciado por múltiplas denúncias de abusos contra uma série de jovens adventistas. Mas mesmo essas acusações não o detiveram. Embora estivesse em liberdade sob fiança, Bovee ainda foi acusado de abusar sexualmente de outro jovem de sua família. Quando os relatórios deste abuso levaram um juiz a suspender a fiança, Bovee fugiu. Foi primeiro foi para a Califórnia, e mais tarde fugiu para Fairbanks, Alaska – na companhia de um garoto que ele teria sequestrado.

Bovee mais tarde voltou ao Oregon, anos depois, para cumprir sua pena por seu abuso de meninos, mas foi liberado no início da década de 2000.

Apesar de ter sido acusado de abusar de pelo menos oito garotos ao longo de sua vida, Les Bovee agora reside em Myrtle Creek, Oregon. Ex-vizinhos dizem tê-lo visto nos arredores da cidade na companhia de adolescentes nos últimos anos. Ele não está registrado como um agressor sexual, e ele não recebe qualquer monitoramento na comunidade. Para todos osefeitos, ele vive como um “homem livre” aos olhos da lei.

Quanto às vítimas que entraram com ação de hoje, os seus advogados dizem que eles são qualquer coisa menos livres: “A vida desses homens foi profunda e definitivamente mudada pelo abuso que sofreram quando meninos”, disse Crew. “É muito difícil para as vítimas superarem aos abusos de Bovee e a traição de sua igreja.”

Qualquer pessoa que tenha informações sobre este assunto é encorajado a contactar-nos em info@oandc.com ou ligue gratuitamente para 888-407-0224

Peter Janci
Autor: Peter Janci
Email: info16@ocandcllp.org

2 Comentários para este post

Peggy
31 de agosto de 2014 em 01:24

Les é um primo em primeiro grau do meu pai. A mãe de Les é a irmã mais nova do meu avô. De qualquer forma, há muitos anos se sabe o que Les é. Minha tia me alertou para que mantivesse meu filho longe dele.

Quando me mudei para Tri City, em 2005, encontreii Les em uma loja, e de alguma forma o reconheci. Só o vi uma ou duas vezes na minha vida. Naquela época, minha tia me disse alguma coisa, mas um tio me disse que era tudo “invenção de criança”, e que ele estava enfrentando problemas. Meu tio não me disse nada sobre ele ser um abusador. Eu não queria acreditar no pior.

De qualquer forma, ele veio à nossa casa várias vezes. Ele queria que o meu filho fosse “trabalhar” com ele. Disse que tinha alguns jogos de computador que meu filho provavelmente gostaria. Mas, como eu tinha sido alertada por minha tia, eu sabia que ele estava interessado em fisgar meu filho. Finalmente, Les desistiu e não deu em nada.

Mas, sim, ele não havia se recuperado pois estava mal intencionado contra um membro da própria família. Ele estápreso a uma cadeira de rodas. Eu acredito que esteja viciado em jogos, porque eu o vi em 7 Feathers toda vez que estive lá. Nos últimos nove anos, isso aconteceu provavelmente uma meia dúzia de vezes.

Sou 20 anos mais jovem do que Les e aco que nunca poderia ter feito alguma coisa para ajudar a qualquer um desses garotos vítimas de abuso. Eu não sabia que ele era um criminoso até por volta de 2005. Mas, tenho certeza de que tenho muita vergonha de estar relacionada a ele de algum modo.

Peg

Ex-adventista triste
22 de novembro de 2014 às 14h40

Eu só espero que todas as meninas estupradas por pastores e membros da escola e da igreja em Scottsdale, no Arizona, durante a década de 1990 possam encontrar forças para falar. Minha mensagem para as mulheres é: Não é culpa sua e Deus sabe disso. Ajudem a salvar as meninas que estão sendo abusadas agora por esse pastor do Arizona que a Igreja Adventista do Sétimo Dia transferiu para a Flórida e não relatou seus crimes à polícia. Por favor, denunciem-no para salvar aqueles que são incapazes de se expressar livremente nesse culto abusivo. É importante que o mundo conheça suas histórias.

Fonte: http://www.kellyclarkattorney.com/victims-file-sex-abuse-lawsuit-against-world-headquarters-of-seventh-day-adventist-church/

Leia mais em:

24 ideias sobre “Ex-desbravadores: Vítimas de abuso sexual entram com ação contra a Associação Geral da IASD

  1. Mateus 13: 37 – O que semeia a boa semente é o Filho do Homem;
    38 – o campo é o mundo; a boa semente são os filhos do reino; o joio são os filhos do maligno;
    39 – o inimigo que o semeou é o diabo; a ceifa é a consumação do século, e os ceifeiros são os anjos.
    40 – Pois, assim como o joio é colhido e lançado ao fogo, assim será na consumação do século.
    41 – Mandará o Filho do Homem os seus anjos, que ajuntarão do seu reino todos os escândalos e os que praticam a iniquidade,
    42 – e os lançarão na fornalha acesa; ali haverá choro e ranger de dentes.

  2. Se nós olhássemos mais para Cristo, lêssemos mais os evangelhos e olhássemos menos para as pessoas enganadoras que vivem de um cristianismo superficial como esses pastores pedófilos, estaríamos mais salvos e levaríamos mais salvos para Cristo.
    Pena das pessoas que se afastam por conta de notícias.

  3. Realmente essas coisas acontecem e muito!
    Engraçado que colocam a igreja adventista como se fosse responsável por isso… Que eu saiba, ninguém ensina esse tipo de coisa no púlpito de nenhuma igreja, a maldade nasce no coração das pessoas. O que mais se vê ultimamente são pessoas que estão em busca de prazeres e nunca se fartam, e acabam com um coração sujo e pervertido. Infelizmente, essas pessoas fazem parte de denominações também, como por exemplo nas igrejas católicas, como caso de padres e entre outros que foram acusados por pedofilia, mas mesmo assim ainda existem muitos padres com bons corações. Dizer que todo padre é safado é generalização.
    Estudo em uma Universidade Adventista em que há o melhor curso de Teologia do País. Os teólogos tem diversas regras, e é muito difícil conseguir entrar no curso. Porém, mesmo com tantas regras a serem cumpridas e com tanto conhecimento necessário para ser aceito na universidade, tudo isso é superficial. O homem poe regras, mas não conhece o coração do próprio homem. Há tantos casos de teologandos que daríamos tudo para serem bons pastores, cheios de conhecimento, simpatia e boa aparência. Porém, muitos vivem suas vidas em adultério e vida dupla.
    Agora pergunto: Só peca quem for religioso?
    A lei de Deus é para todos, religioso, ateu, budista, seja quem for, terá que arcar com o Juízo de Deus.
    Só vemos esses pecados em igrejas?
    Na verdade, é escandaloso. Porém, tanta maldade e barbaridade há no mundo fora e dentro das igrejas, como Sodoma e Gomorra ou até como já nos dias de Noé.
    Creio que a “Sodoma e Gomorra” nasce no coração das pessoas e elas alimentam, e várias pessoas sofrem as consequências dos atos de outras pessoas.

  4. Realmente essas coisas acontecem e muito!
    Engraçado que colocam a igreja adventista como se fosse responsável por isso… Que eu saiba, ninguém ensina esse tipo de coisa no púlpito de nenhuma igreja, a maldade nasce no coração das pessoas. O que mais se vê ultimamente são pessoas que estão em busca de prazeres e nunca se fartam, e acabam com um coração sujo e pervertido. Infelizmente, essas pessoas fazem parte de denominações também, como por exemplo nas igrejas católicas, como caso de padres e entre outros que foram acusados por pedofilia, mas mesmo assim ainda existem muitos padres com bons corações. Dizer que todo padre é safado é generalização.
    Estudo em uma Universidade Adventista em que há o melhor curso de Teologia do País. Os teólogos tem diversas regras, e é muito difícil conseguir entrar no curso. Porém, mesmo com tantas regras a serem cumpridas e com tanto conhecimento necessário para ser aceito na universidade, tudo isso é superficial. O homem poe regras, mas não conhece o coração do próprio homem. Há tantos casos de teologandos que daríamos tudo para serem bons pastores, cheios de conhecimento, simpatia e boa aparência. Porém, muitos vivem suas vidas em adultério e vida dupla.
    Agora pergunto: Só peca quem for religioso?
    A lei de Deus é para todos, religioso, ateu, budista, seja quem for, terá que arcar com o Juízo de Deus.
    Só vemos esses pecados em igrejas?
    Na verdade, é escandaloso. Porém, tanta maldade e barbaridade há no mundo fora e dentro das igrejas, como Sodoma e Gomorra ou até como já nos dias de Noé.
    Creio que a “Sodoma e Gomorra” nasce no coração das pessoas e elas alimentam, e várias pessoas sofrem as consequências dos atos de outras pessoas.

    • No caso, se deixarem a Cristo por notícias assim, nunca estiveram em Cristo de verdade. Estiveram pelas pessoas. Alguém que faz esse tipo de coisa está na igreja, mas não em Cristo; certamente não é um cristão (que significa seguir os passos de Cristo, não os passos das pessoas de uma igreja).

  5. Fui líder dos desbravadores por mais de 20 anos, e como coordenador lutei contra o sexo entre eles e o abuso praticado por líderes. Mas mesmo criando regras locais para punir os indivíduos promíscuos, ainda tivemos diversos casos entre eles e um lamentável caso de um diretor do Clube Pedras Raras, com uma adolescente de 14 anos, e comprei uma briga feia com a igreja que tentou abafar o caso e não queria punir o indivíduo. Casos como esse são mais comuns do que se imagina dentro dos Clubes. Cuidado com suas filhas quando as envia a um acampamento. Poucos líderes levam isso tão a sério a ponto de sacrificar seu lazer afim de manter a ordem no acampamento.
    Quando a noite cai, só Deus para ter misericórdia de certos indivíduos que se vestem de desbravador.

    • Infelizmente muitos membros de nossa igreja não estão sinceramente convertidos e tocados no coração com o Dedo de Deus… e com essa falsa conversão se embrenham nos departamentos da igreja espalhando discórdias, desunião e palavras baixas. E no caso dessas pessoas no Clube de Desbravadores… elas tem um leque maior de possibilidades para colocar suas sociopatias e psicopatias para fora… pois estão cercadas de pessoas mais frágeis e de pouca vivência neste nosso mundo (nossos infantis, juvenis e adolescentes), com isso elas se tornam vitimas destes “irmãos gatunos” cheios de más intenções. Infelizmente são “irmãos” de fé de muitos anos e até décadas…. e outros também de poucos meses e até anos de fé. Infelizmente a maldade e falta de freio em seus atos geram estas situações deprimentes para um movimento tão salutar para nossa mocidade adventista….o Clube de Desbravadores. Mas como infelizmente temos que conviver com o joio no meio do trigo até a colheita final… o jeito é impedir que este tipo de indivíduo não chegue aos quadros de liderança e instrução deste devido departamento…. bani-lo do meio jovem. Será doloroso para ele…. mais salutar para a igreja e para os jovens.

  6. Gente quanta coisa, que pena neh, sou adventista parei aqui por acaso, talvez os adventistas que vocês conheçam sejam outros. Parece que o pessoal aqui n gosta muito dos adventistas do sétimo dia. Amos vocês e quero ver vocês no céu e quero estar lá :). Até mais.

  7. Sou adventista há 15 anos, e de uns anos pra cá, comecei a pesquisar e buscar informações e ver diversos vídeos na internet. E infelizmente não é só dentro da igreja adventista que vemos erros. Mas em todas as denominações. Maçonaria, ocultismo, satanismo, simbolismos pagãos, pedofilia, adultério. Deus não habita em templos feitos por mãos de homens, a igreja somos nós. Nós somos o templo.
    Vai subir um povo, que é fiel a Jesus Cristo, guarda os mandamentos, um povo diferente que não vai se unir ao “sistema” não igrejas de cimento x ou y.

    • Isso mesmo Adriana Antunes, você tem rasão, esses males estão em todos o lugares e o membros das comissões de nomeação não conhecem os corações das pessoas, só Deus. Mas Jesus disse que infelizmente o joio cresceria junto com o trigo e também fez advertências sérias a quem escandalizasse um desses pequeninos. O próprio espírito de profecia afirma que satanás infiltra seus agentes na igreja de Deus para causar males e ruína, mas Deus purifica seu povo, os que são fiéis.

  8. Realmente , estou vendo varias acusaçoes contra a liderança da IASD, sou adventista ha varios anos, e todos os pastores que eu conhesso seria incapaz de cometer tal barbaridade, confiu na lideraça, ñ confio é nos DEMONIOS QUE PODEM SIM SE ENCARNAR e pessoa que acusa todos os adventistas por causa dessas acusaçoes que são errado, ja penssou se todos se perderem por causa de um pecador?! Então… para com ssas acusaçoes igocentricas por quê Deus abomina isso.

    • Então a pessoa que vier a ser vítima de um pastor, independente da denominação, deve ficar caladinha para não por em risco a salvação da igreja?
      Se ela “abrir o bico” é porque foi tomada por um espírito egocêntrico, o que, segundo sua avaliação, Deus abomina?

      Nossa!

      Querida, acho que você está no país errado e na religião errada.
      Há “bons” países para ti, onde a mulher que for violentada ainda vai para a cadeia se “falar demais”.

      Em tempo, imagino que o Quebrando o Silêncio da IASD só sirva dentro de casa, fora dela, e principalmente na igreja, o que vale é a lei do silêncio.

      • Olhe pelo que eu vi não foi isso que ela falou vc que entendeu errado ela disse pra vcs pararem de acusar todo o pessoal adventista porque nem todo mundo é isso que falaram aqui , sou desbravador há 4 anos e conselheiro há 2 na minha região nunca teve casos de abusos , então antes de vcs falarem pesquise, não na internet porque eu já vi falar na internet que ácido e bom. Imagine “existem ladrões no mundo ” sabemos que existem né mas se eu disser todos são ladrões no mundo” tá incluído vc tbm né fofa, sabemos que em todas as religiões tem o trigo e o joio mas quem vai separar e Cristo, não dizendo que vcs que forem. Abusadas devem ficar caladas, mas digo pra vcs pararem de criticar a religião e envolver todos os outros já vi na internet que a IASD era marconica affss sem palavras agora, com essa dessas pessoas eu vou até encerrar

    • eu que não meto minha mão no fogo por nenhum pastor adventista. tem muitos que se passam de anjo , mas nao passam de lobos desfaçados de ovelha.

  9. Miseráveis.. Eu sou pai e entendo a dor numa situação como esta, mas usar um macabro fato como generalização é uma obra satânica. Propagar o mal. Usar a mágoa pessoal como tentativa de disseminar o ódio no coração das pessoas, generalizar.. Saíba que cada pessoa que se desviar dos caminhos do Senhor por vossa causa isso lhe acarreterá concequências eternas. Peça perdão a Deus!

  10. Muitos lembram do caso de um certo pastor em valparaiso de goias que foi preso e condenado por pedofilia e assedio sexual…a associaçao bancou todas as custas do advogado dele..e ainda tinha gente na igreja achando q ele era inocente, q fosse uma armação… O cara so foi afastado pq foi preso em flagrante, senao continuaria na obra normalmente.

  11. Senhores,
    É lamentável essa atitude de encobrir essa violência por parte da IASD porém, é prática comum entre eles. Aqui em Aracaju, um pastor pedófilo abusou de crianças sabe lá quantas foram… Já havia uma suspeita e uma prisão efetuada com ele no interior do Estado… se custou a acreditar, e eu mesmo achei que era fofoca… a liderança pastoral sabia do caso… em fim… foi preso em flagrante com crianças em uma outra cidade… o polícial não aceitou suborno e o levou pra cadeia… a organização gastou não se sabe quanto para tira-lo de lá até que conseguio… tiraram as credenciais dele mas o convívio dele com a organização se perpetuou por muito tempo em uma relação de tirar pastores do prego pois tinha dinheiro por herança… eu mesmo denunciei um colportor sacana que tentou assediar minha filha de 3 anos… como ela era esperta me falou na hora da tentativa… quase matei o cara… levei o caso a organização junto com esse pastor pedófilo que nada fezeram o que acendeu em mim a luz vermelha… mais tarde soube que na cidade vizinha ele tentou fazer o mesmo mas que irmãos interviram e deram um cacete nele… ao menos não esperaram a organização fazer alguma coisa porque se esperacem essa doente teria aprontado mais e mais…ai ficam com essa merda de programa “Quebrando o Silêncio”…. só para os outros…

  12. A liderança da IASD e sua habilidade em abafar crimes. Me lembro quando eu tinha 14 anos e na cidade onde morava, um cara de 18 anos estuprava o irmão dele de 08 anos. Como ele tinha 18 anos, era caso de polícia e ele já poderia ser preso. Mas como a família era da igreja, o pastor não deixou que fizessem a denúncia e moveu os pauzinhos para que o caso fosse abafado. A mãe dos dois ficou revoltada e queria fazer a denúncia. Mas ele com o jeitinho peculiar de abafar de um líder religioso, convenceu-a a não fazer a denúncia e alguns dias depois ele levou o estuprador para uma outra cidade a fim de que ninguém mais falasse no assunto. Isso não foi cristianismo da parte do pastor. Foi omissão criminosa.

    • Infelizmente os lobos com capa de cordeiro estão em todas as instituições que tem os jovens como sua razão de existir… a razão destas instituições é levar coisas boas em varias áreas do ensinamento humano a esta faixa etária que vai dos 7 aos 18 anos. Instituições como o Escotismo, os Desbravadores, os Embaixadores do Rei, As Bandeirantes e outros mais, tem como base engrandecer o caráter físico, mental e espiritual de nossos jovens. Generalizar todas as pessoas que por amor fraterno dedicam seu tempo precioso de seus sábados e domingos para levar algo de bom para esses jovens… que por muitas vezes não aprendem nada de bom em suas casas…. é uma baita injustiça e falta de consideração por esses guerreiros anônimos que fazem não por mérito próprio… mas sim para ver um ar de felicidade e satisfação de vida no rosto destes jovens.
      Infelizmente os justos pagam pelos pecadores… mas se depender de mim esse lobos traiçoeiros nunca terão vez no meu klan.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *