Testemunhas de Jeová respondem a ataque de Michelson Borges

image_pdfimage_print

Assista e comente abaixo.

4 ideias sobre “Testemunhas de Jeová respondem a ataque de Michelson Borges

  1. Obviamente, não precisava dessa explicação – Até porque é possível visualizar que há um distanciamento entre entendimentos. Qual é a verdade? Sob o olhar de outros aspectos (frutos), é possível ver a nítida diferença…

  2. Engraçado… os dicionários de grego que consultei, inclusive o Strong citado pelo testemunha de Jeová, “parousia” pode significar tanto “presença” quanto “vinda”.

    Será que os testemunhas criaram um dicionário exclusivo para eles?

    A ideia aqui não é ensinar grego, mas desacreditar o Michelson Borges. E para isso vale até propagar a presença invisível de Cristo a partir de 1914.
    Apenas mais um ataque infantil…

    • O irmão Testemunha de Jeová, que acredita no Deus Único e verdadeiro, demonstrou pelo contexto bíblico, qual o sentido de parousia e pareimi. Os pioneiros adventistas criam na presença invisível de Cristo perante o trono do Pai, onde foi para receber o reino, a partir de 1844. Testemunhas de Jeová e adventistas derivam da mesma fonte, o movimento milerita, com a vantagem de que não adotaram a crença pagã na Trindade.

      Se adoramos o Deus errado, podemos estar equivocados em relação a muitos outros aspectos. Aliás, deveríamos ter vergonha porque enquanto Testemunhos de Jeová foram perseguidos e banidos da Rússia por suposto “proselitismo”, que nada mais é que EVANGEKLISMO, fomos agraciados com cargo de “responsável pela promoção do diálogo interétnico e inter-religioso em órgão consultivo do governo russo“.

      • Parece que não me fiz entender.
        Vou tentar mais uma vez: “os dicionários de grego que consultei, inclusive o Strong citado pelo testemunha de Jeová, ‘parousia’ pode significar tanto ‘presença’ quanto ‘vinda’.”

        Se levarmos em conta o contexto dos textos apresentados, o uso de “vinda” é bem mais compreensível e natural do que “presença”.
        O fato dele crer no Deus único não o faz estar certo em tudo. Não se esqueça, por exemplo, que os Testemunhas de Jeová proíbem a doação de sangue, pregam que pessoas que morreram sem ouvir falar do evangelho terão uma segunda chance após a ressurreição, e, talvez a pior crença, que o santo sábado foi revogado por Cristo.

        Os pioneiros adventistas também mantiveram por algum tempo erros crassos, como carne santa, fechamento da porta da graça em 1844, e até o uso de línguas estranhas nos moldes das igrejas pentecostais modernas. Inclusive com aval de Ellen White.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *