“Está escrito: A Terra é plana.” Resumo da aula de geografia bíblica a que Michelson Borges e seus colaboradores demoníacos não assistiram

Responda rápido: Um site ou blog que se diz criacionista, mas ensina que o relato de Gênesis 1 não merece total crédito, é de Deus? Se você concluiu que é do Diabo, não se incomode por dizermos que os colaboradores de Michelson Borges que escrevem contra a doutrina bíblica daTerra plana, servem a propósitos demoníacos!.

Se discorda, pergunto-lhe: Se eu disser que um trecho da Bíblia é inspirado mas não é científico, estou colocando a Bíblia acima ou abaixo da Ciência? Quem merece mais crédito: a Bíblia ou um livro didático? Em quem devo acreditar, nos astrônomos, astrofísicos e “astronautas” de hoje ou em Moisés, que falava cara a cara e boca a boca com Deus? Nos cientistas ou nos profetas e apóstolos, que conviveram com o próprio Filho de Deus?

Jesus era um inculto de mente não técnica, para quem o Céu se abriu e então se ouviu uma voz que dizia “Esse é o meu filho amado”? O Diabo O levou a um monte muito alto de onde viram todos os reinos deste mundo, ou abduziu-O e fez dar uma volta de disco-voador ao redor da Terra? Quando ensinou-nos a orar ao Pai nosso que está nos Céus, o Filho de Deus estava só fazendo poesia?

E depois da ressurreição, Ele subiu ao Céu ou decolou rumo ao buraco negro de Órion? O Sol e a Lua irão sair de sua rota, os céus se enrolarão como um pergaminho e as estrelas cairão do firmamento, antes de Sua volta? Qual o modelo de Universo que a Bíblia nos ensina a crer? Acompanhe este resumo da aula de Geografia bíblica aque Michelson Borges e seus colaboradores demoníacos não assistiram: 

“Está escrito: A Terra é plana!”

Este primeiro diagrama mostra uma representação esquemática do modelo bíblico do universo, enquanto que o segundo apresenta o modelo defendido pela Astronomia moderna.

Não há a menor sugestão no livro de Gênesis, ou em qualquer outra parte da Palavra de Deus, que algum desses corpos celestes seja significativamente maiores do que a Terra. Em toda a Bíblia, a Terra sempre recebe posição de igualdade com os céus — a frase “céu e terra” (ou similar) ocorre cerca de 200 vezes na Bíblia. A Astronomia moderna oferece, ao contrário, uma cosmologia em que a Terra é apenas um minúsculo grão de areia em comparação com a extraordinária magnitude dos maiores corpos celestes.

O conflito entre os dois modelos, um bíblico e o outro “científico” é tão severo que eles não podem ambos estar corretos. Os cristãos que realmente amam a Palavra de Deus precisam considerar essas questões com muito cuidado.

A Terra é plana e estacionária, exatamente como a Bíblia diz.
“E ele lhes disse: Ó néscios, e tardos de coração para crer tudo o que os profetas disseram!” [Lucas 24:25].

Versos Bíblicos Relacionados com a Cosmologia

1. O Sol e a Lua circulam acima da Terra:

  1. “Os céus declaram a glória de Deus e o firmamento anuncia a obra das suas mãos… A sua linha se estende por toda a terra, e as suas palavras até ao fim do mundo. Neles pôs uma tenda para o sol, o qual é como um noivo que sai do seu tálamo, e se alegra como um herói, a correr o seu caminho. A sua saída é desde uma extremidade dos céus, e o seu curso até à outra extremidade, e nada se esconde ao seu calor.” [Salmos 19:1,4-6].

  2. “O sol e a lua pararam nas suas moradas; andaram à luz das tuas flechas, ao resplendor do relâmpago da tua lança.” [Habacuque 3:11].

  3. “Nasce o sol, e o sol se põe, e apressa-se e volta ao seu lugar de onde nasceu.” [Eclesiastes 1:5].

  4. “Então Josué falou ao SENHOR, no dia em que o SENHOR deu os amorreus nas mãos dos filhos de Israel, e disse na presença dos israelitas: Sol, detém-te em Gibeom, e tu, lua, no vale de Ajalom. E o sol se deteve, e a lua parou, até que o povo se vingou de seus inimigos. Isto não está escrito no livro de Jasher? O sol, pois, se deteve no meio do céu, e não se apressou a pôr-se, quase um dia inteiro.” [Josué 10:12-13].

2. A Terra foi estendida por Deus:

  1. “Aquele que estendeu a terra sobre as águas; porque a sua benignidade dura para sempre.” [Salmos 136:6].

  2. “Assim diz Deus, o SENHOR, que criou os céus, e os estendeu, e espraiou a terra, e a tudo quanto produz; que dá a respiração ao povo que nela está, e o espírito aos que andam nela.” [Isaías 42:5].

  3. “O norte estende sobre o vazio; e suspende a terra sobre o nada.” [Jó 26:7].

3. A Terra é plana:

  1. “Então o SENHOR disse a Satanás: Donde vens? E respondeu Satanás ao SENHOR, e disse: De rodear a terra, e passear por ela.” [Jó 2:2].

  2. “E o diabo, levando-o a um alto monte, mostrou-lhe num momento de tempo todos os reinos do mundo.” [Lucas 4:5].

  3. “Crescia esta árvore, e se fazia forte, de maneira que a sua altura chegava até ao céu; e era vista até aos confins da terra.” [Daniel 4:11].

4. O oriente e o ocidente não se encontram (por que a Terra é plana):

“Pois assim como o céu está elevado acima da terra, assim é grande a sua misericórdia para com os que o temem. Assim como está longe o oriente do ocidente, assim afasta de nós as nossas transgressões.” [Salmos 103:11,12].

5. As estrelas estão estendidas em uma superfície comum:

  1. “E todo o exército dos céus se dissolverá, e os céus se enrolarão como um livro; e todo o seu exército cairá, como cai a folha da vide e como cai o figo da figueira.” [Isaías 34:4].

  2. “E o céu retirou-se como um livro que se enrola; e todos os montes e ilhas foram removidos dos seus lugares.” [Apocalipse 6:14].

  3. “Porventura Deus não está na altura dos céus? Olha para a altura das estrelas; quão elevadas estão.” [Jó 22:12].

  4. “Eu fiz a terra, e criei nela o homem; eu o fiz; as minhas mãos estenderam os céus, e a todos os seus exércitos dei as minhas ordens.” [Isaías 45:12].

  5. “E fez Deus os dois grandes luminares: o luminar maior para governar o dia, e o luminar menor para governar a noite; e fez as estrelas. E Deus os pôs na expansão dos céus para iluminar a terra, e para governar o dia e a noite, e para fazer separação entre a luz e as trevas; e viu Deus que era bom.” [Gênesis 1:16-18].

6. A viagem ao espaço é impossível:

“Assim diz o SENHOR, que dá o sol para luz do dia, e as ordenanças da lua e das estrelas para luz da noite, que agita o mar, bramando as suas ondas; o SENHOR dos Exércitos é o seu nome. Se falharem estas ordenanças de diante de mim, diz o SENHOR, deixará também a descendência de Israel de ser uma nação diante de mim para sempre. Assim disse o SENHOR: Se puderem ser medidos os céus lá em cima, e sondados os fundamentos da terra cá em baixo, também eu rejeitarei toda a descendência de Israel, por tudo quanto fizeram, diz o SENHOR.” [Jeremias 31:35-37].

7. O firmamento é uma grande abóboda de sustentação acima da Terra:

  1. “E disse Deus: Haja uma expansão no meio das águas, e haja separação entre águas e águas. E fez Deus a expansão, e fez separação entre as águas que estavam debaixo da expansão e as águas que estavam sobre a expansão; e assim foi. [Gênesis 1:6-7].

  2. “Ou estendeste com ele os céus, que estão firmes como espelho fundido?” (Jó 37:18).

  3. “Louvai ao SENHOR. Louvai a Deus no seu santuário; louvai-o no firmamento do seu poder.” [Salmos 150:1].

8. A Lua tem iluminação própria:

  1. “E fez Deus os dois grandes luminares: o luminar maior para governar o dia, e o luminar menor para governar a noite; e fez as estrelas.” [Gênesis 1:16].

  2. “E com os mais excelentes frutos do sol, e com as mais excelentes produções das luas.” [Deuteronômio 33:14].

  3. “Porque as estrelas dos céus e as suas constelações não darão a sua luz; o sol se escurecerá ao nascer, e a lua não resplandecerá com a sua luz.” [Isaías 13:10].

  4. “E a luz da lua será como a luz do sol, e a luz do sol sete vezes maior, como a luz de sete dias, no dia em que o Senhor ligar a quebradura do seu povo, e curar a chaga da sua ferida.” [Isaías 30:26].

  5. “E, apagando-te eu, cobrirei os céus, e enegrecerei as suas estrelas; ao sol encobrirei com uma nuvem, e a lua não fará resplandecer a sua luz.” [Ezequiel 32:7].

  6. “E a cidade não necessita de sol nem de lua, para que nela resplandeçam, porque a glória de Deus a tem iluminado, e o Cordeiro é a sua lâmpada.” [Apocalipse 21:23].

  7. “E a lua se envergonhará, e o sol se confundirá quando o SENHOR dos Exércitos reinar no monte Sião e em Jerusalém, e perante os seus anciãos gloriosamente.” [Isaías 24:23].

  8. “Uma é a glória do sol, e outra a glória da lua, e outra a glória das estrelas; porque uma estrela difere em glória de outra estrela.” [1 Coríntios 15:41].

  9. “E, havendo aberto o sexto selo, olhei, e eis que houve um grande tremor de terra; e o sol tornou-se negro como saco de cilício, e a lua tornou-se como sangue.” [Apocalipse 6:12].

  10. “Designou a lua para as estações; o sol conhece o seu ocaso.” [Salmos 104:19].

  11. “A lua e as estrelas para presidirem à noite; porque a sua benignidade dura para sempre” [Salmos 136:9].

9. Os céus estão entre o firmamento e a Terra:

  1. “E disse Deus: Haja luminares na expansão dos céus, para haver separação entre o dia e a noite; e sejam eles para sinais e para tempos determinados e para dias e anos. E sejam para luminares na expansão dos céus, para iluminar a terra; e assim foi.” [Gênesis 1:14-15].

  2. “Mas, na verdade, habitaria Deus na terra? Eis que os céus, e até o céu dos céus, não te poderiam conter, quanto menos esta casa que eu tenho edificado.” [1 Reis 8:27].

  3. “Os céus são os céus do Senhor; mas a terra a deu aos filhos dos homens.” [Salmos 115:16].

10. A Terra é estacionária e está firmada sobre fundamentos inamovíveis:

  1. “O SENHOR reina; está vestido de majestade. O SENHOR se revestiu e cingiu de poder; o mundo também está firmado, e não poderá vacilar.” [Salmos 93:1].

  2. “Trema perante ele, trema toda a terra; pois o mundo se firmará, para que não se abale.” [1 Crônicas 16:30].

  3. “Lançou os fundamentos da terra; ela não vacilará em tempo algum.” [Salmos 104:5].

  4. “Onde estavas tu, quando eu fundava a terra? Faze-mo saber, se tens inteligência. Quem lhe pôs as medidas, se é que o sabes? Ou quem estendeu sobre ela o cordel? Sobre que estão fundadas as suas bases, ou quem assentou a sua pedra de esquina?” [Jó 38:4, 6].

  5. “O que sacode a terra do seu lugar, e as suas colunas estremecem.” [Jó 9:6].

  6. “Porque assim diz o SENHOR que tem criado os céus, o Deus que formou a terra, e a fez; ele a confirmou, não a criou vazia, mas a formou para que fosse habitada: Eu sou o SENHOR e não há outro.” [Isaías 45:18].

11. As estrelas estão em movimento em volta da Terra:

“Desde os céus pelejaram; até as estrelas desde os lugares dos seus cursos pelejaram contra Sísera.” [Juízes 5:20].


12. Existem “águas” em ambos os lados do firmamento:

  1. “Louvai-o, céus dos céus, e as águas que estão sobre os céus.” [Salmos 148:4].

  2. “Fez das trevas o seu lugar oculto; o pavilhão que o cercava era a escuridão das águas e as nuvens dos céus.” [Salmos 18:11].

  3. “Então foram vistas as profundezas das águas, e foram descobertos os fundamentos do mundo, pela tua repreensão, SENHOR, ao sopro das tuas narinas.” [Salmos 18:15].

  4. “Ele ajunta as águas do mar como num montão; põe os abismos em depósitos.” [Salmos 33:7].

  5. “Fazendo ele ouvir a sua voz, grande estrondo de águas há nos céus, e faz subir os vapores desde o fim da terra; faz os relâmpagos com a chuva, e tira o vento dos seus tesouros.” [Jeremias 51:16].

Nota: Na Bíblia, a palavra firmamento pode se referir à própria abóboda celeste ou à expansão da atmosfera que está abaixo da abóbada. (“E chamou Deus à expansão céus…” — Gênesis 1:8). Veja a citação de Kitto a seguir:

“Firmamento (Gn. 1:6; Gn. 1:14-15; Gn. 1:17), aquilo que está expandido — a expansão dos céus, isto é, o arco visível, ou abóbada do céu que cobre a Terra. Para alguns astrônomos antigos, o firmamento é o globo em que estão as estrelas fixas, ou o mais alto de todos os céus. Mas, nas Escrituras e na linguagem comum, ele é usado para as regiões medianas, o espaço ou expansão que aparece como um arco imediatamente acima de nós no céu. Muitos dos antigos e dos modernos também descrevem o firmamento como uma substância fluída, mas aqueles que lhe deram o nome de ‘firmamento’ devem tê-lo considerado como sólido e desse modo também podemos inferir a partir de Gn. 1:6, onde ele forma a divisão entre águas e águas. Os hebreus parecem ter considerado o firmamento como transparente, como um cristal ou safira (Ez. 1:22; Dn. 12:3; Ex. 24:10; Ap. 4:6).” [John Kitto (editor), Bible Encyclopedia].

6 ideias sobre ““Está escrito: A Terra é plana.” Resumo da aula de geografia bíblica a que Michelson Borges e seus colaboradores demoníacos não assistiram

  1. A Terra sempre foi plana e estacionaria. Porém, conseguiram criar uma religião chamada heliocentrismo onde é repetido diariamente oralmente e visualmente desde o berço infantil de que a terra é uma bola giratória. Assim sendo, esta crença idolatra no heliocentrismo é muito, muito difícil ser combatida, ou melhor, uma mente acostumada a ser idólatra, só milagre para resgatar tal alma desta loucura de terra bola. Que Deus Eterno Criador tenha misericórdia dos adoradores e seguidores do heliocentrismo.

  2. Você acredita, entre outras coisas, que existe uma montanha alta de onde é possível avistar todos os pontos da Terra?

    Toda a argumentação de a Terra ser plana exposta no site dá a impressão de resumir-se ao seguinte silogismo : “Se sou cristão e sou adventista, então sou terra-planista.” Que você tenta a todo custo provar ser uma tautologia.

    Mas na mensagem acima tem o que motivou minha pergunta:
    “Se sou cristão adventista, então acredito na existência de uma montanha na Terra da qual é possível avistar toda a Terra.”

    Também tem o seguinte:
    “Se sou cristão adventista, então os escritos bíblicos estão acima de qualquer verdade científica, por mais evidente que seja.”

    Entendi o propósito atual do site! Para não ficar enfadonho, sugiro então adicionar ao debate (ou ao argumento) as seguintes condicionais:

    1. Se sou cristão adventista, então acredito que coelhos e lebres são ruminantes.
    2. Se sou cristão adventista, então acredito nos milagres de Eliseu (não esqueça daquele das ursas).

    Meu caro, todos sabemos que a cosmologia descrita na Bíblia era a única possível para o povo de Israel daquela época. Eles não compreenderiam naqueles tempos a cosmologia atual, que aliás está longe de ser a definitiva, completa. O fato de a Terra não ser plana (ou de coelhos e lebres não serem ruminantes) não invalida a Bíblia como parte da palavra de Deus (mas está longe de ser a única!). Estude mais a Bíblia e você descobrirá que ela revela qual a verdadeira palavra de Deus (veja os Salmos!), a qual conhecemos apenas uma porção infinitesimal. As narrativas bíblicas apenas traduzem o pensamento daquele povo naquela época. Sua principal história é a luta de um povo pela sobrevivência, pelo direito de existir. Deus é infinitamente grande, não é possível coligir toda a verdade sobre Ele num simples livro.

    O grande livro (a Palavra) de Deus não se deixa ser compreendido apenas pelos limitados 5 sentidos humanos. Mas isso não deve nos desmotivar de compreender o que for possível e fazer uso disso para nosso progresso como seres vivos.

    A meu ver, não soa honesto apresentar apenas as premissas do argumento e esconder dos leitores a tese (a conclusão que se quer chegar, o propósito). Para não sair do contexto, me faz lembrar daquele personagem que, segundo a Bíblia, conduziu Jesus ao monte para …

    Meu caro, a meu ver, o bom ateísmo não deve se valer de proselitismo e menos ainda de ataques ardilosos a crenças e denominações religiosas. Não precisa disso! Assim como o povo de Israel, os Adventistas lutam pelo seu espaço, pelo direito de existir e deveriam ser deixados em paz. A tolerância é um valor que deve ser cultivado por todos.

    Um abraço.

    • Como pós-doutor em Matemática, o irmão deve ser pessoa muito inteligente e culta. Erra, porém, ao nos imaginar ateus interessados em desacreditar a IASD. Nossa motivação é estimular o retorno à total confiança na Bíblia, especialmente nos primeiros capítulos de Gênesis, dos quais depende nossa fé na totalidade dos ensinos bíblicos.

      Se somos cristãos adventistas, devemos acreditar que nenhum ensino bíblico provém de uma compreensão ou interpretação particular, deste ou daquele autor. Homens santos falaram da parte de Deus movidos por Seu espírito santo. O Gênesis, por exemplo, foi escrito por Moisés, profeta que falava face a face e boca a boca com Deus.

      Os rapazes que zombaram de Eliseu talvez imaginassem que a Terra fosse redonda e molhada, girando velozmente pelo espaço atrás do Sol numa corrida sem fim pela Via láctea e que, talvez por isso e devido à lei da gravidade que só seria descoberta futuramente, seria impossível um ser humano subir para o Céu num carro de fogo, como Eliseu dizia ter visto acontecer com Elias.

      Nesse embate entre “globalistas” primitivos e um homem de Deus “terraplanista”, Deus pode ter mandado que a ursa devorasse quem O estava desonrando naquele debate cosmológico. Então a ursa, que provavelmente não se satisfizera ao se alimentar do último casal de coelho e lebre ruminante (assim extintos!), banqueteou-se com o alimento que lhe foi autorizado pelo Criador. Nenhum passarinho sequer morre sem a permissão dEle!

      Eliseu cria que acima da Terra estava o trono e a casa de Deus para onde Elias foi levado por uma carruagem com cavalos de fogo. Todos os profetas bíblicos criam nesse desenho tripartite do universo, inclusive o próprio Filho de Deus!

      Foi Jesus Cristo quem contou a Seus discípulos ter sido levado a um monte muito alto de onde todos os reinos da Terra puderam ser vistos e lhe foram oferecidos em troca de adoração. Mas Ele resistiu à tentação, porque vira os Céus abertos sobre Si… O firmamento se abre, irmão! E uma voz vinda diretamente do terceiro céu, identificou-O como o Filho Querido de Deus. Mais un claro exemplo de cosmologia bíblica da Terra plana recoberta por um domo de cristal acima do qual estão as águas de cima e o trono de Deus. Simples assim.

    • Caro Roger, há aproximadamente 4 anos eu era ateu e só acreditava na ciência, tecnologia, enfim somente no que eu podia ver com os olhos da carne. Para honra e glória do Senhor, e para o meu bem, ELE me alcançou, e hoje vejo também com os olhos do Espírito.

      O que vou levantar agora, não tem a ver com fé, fiz referéncia anteriormente a minha conversão porque foi, no meu caso, um posicionamento “radical”. Para ser sincero, no início, achava ridículo essa idéia de terra plana, mas meu interesse pela verdade e para “desmascarar” esses farsantes, comecei a pesquisar a respeito e para surpresa minha ELES ESTÃO CERTOS!!!

      São muitas evidências não só a olho nú, como também científico e o mais importante mas Escrituras Sagradas. É muita informação que corrobora com o terraplanismo, e se juntar tudo é possível escrever uma enciclopédia a respeito. Por isso lhe afirmo que é impossível o nosso maravilhoso planeta ser um globo que gira no seu eixo a aproximadamente 1700 km por hora, em torno do sol a 107000 km por hora e milhões de km na via láctea, e hoje me pergunto: como é que eu acreditava nesta ficção!? E isso é uma gota d’água no oceano.

      Apenas mais uma: Acredito firmemente que nosso Pai, o Poderoso Deus do Universo não faria um grão de poeira insignificante, para que vivêssemos e muito menos transferirá seu Reino para esse lugar, de acordo com Sua Santa e Maravilhosa Palavra.

      Vale a pena você estudar sem preconceitos e sem influência de condicionamento antigos, sendo ateu ou não, quem sabe você poderá se surpreender com tantas “absurdas” verdades! Comece com o vídeo no YouTube 200 Provas que a Terra não é uma bola giratória… É boa viagem pelo nosso verdadeiro planeta!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *