Browse By

Vergonha: Pastores adventistas acusados de sequestrar e mandar matar colega foram condenados em Angola

Começado há pouco mais de um ano, o processo que ficou conhecido como “rapto do Pastor Adventista do Sétimo dia”, no caso Daniel Cem, chega, finalmente, ao fim, esta sexta-feira 29, quando o juiz da causa, apresentar a sentença, na sala de audiências da décima terceira secção dos crimes comuns, do Tribunal Provincial de Luanda, Dona Ana Joaquina, sito no Golf Estoril, ao Município do Kilamba Kiaxi, em Luanda.

O processo que conta com sete réus, todos dirigentes da Igreja Adventista do Sétimo dia, em Angola, cujo ofendido e queixoso é Daniel Cem, outro pastor da mesma Igreja, surge depois de este último ter sido raptado por elementos, segundo a acusação do Ministério Público, ligados àquela igreja, mandatados pelos Pastores, hoje, réus, tendo à testa Teixeira Vinte, Secretário da União e um confesso “inimigo de estimação” de Daniel Cem, por sinal seu sogro.

Continuar lendo.

One thought on “Vergonha: Pastores adventistas acusados de sequestrar e mandar matar colega foram condenados em Angola”

  1. Cleydison Alves says:

    Eles já sequestram as mentes dos membros, para fazerem e crerem no que eles querem…agora partiram para sequestra os da própria gang, é o fim.kkkk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *