Doutor em Geofísica responde: Quem acredita na Terra plana é burro, ou fugiu da escola?

Afonso de Vasconcelos é doutor em geofísica pela USP. Reside nos Estados Unidos, crê no Messias, aguarda Sua volta, guarda os mandamentos, inclusive o sábado, crê na Terra plana, seis mil anos de idade da Terra e mantém o canal Ciência de Verdade no YouTube.

3 thoughts on “Doutor em Geofísica responde: Quem acredita na Terra plana é burro, ou fugiu da escola?

  1. Em primeiro lugar, graduação ou pós graduação em qualquer Universidade, por mais famosa que possa ser, não deve ser garantia de crédito.
    Senão, deveríamos, todos, acreditar na teoria da evolução e não na criação.
    Deveríamos, ser portanto “ateus”, se tivéssemos que dar crédito a quem quer que seja, por seu histórico acadêmico, pois há muitos famosos (com graduação até mais impressionante), que simplesmente são ateus.
    O tempo é o melhor remédio !
    Enquanto não é chegado o tempo de revelar muitas dúvidas, seria muito bom não perder tempo com questões improváveis.
    Para quem se diz ou se julga um seguidor do Mestre Jesus de Nazaré, seria melhor aprender e praticar o que Ele disse ser importante, como por exemplo não ser como os “fariseus” (que se julgavam ser os donos da verdade).
    Para não fazer uma grande preleção basta propor uma meditação em Lucas 18:9 a 13, e também fazer uma reflexão sobre como deveríamos usar o precioso e raro tempo que nos resta.
    Seriam discussões como sexo dos anjos ou outras como essas que as pessoas estão precisando neste tempo?
    Não seria melhor repensar, neste tempo, como usar o tempo para relembrar o que o Mestre ensinou para a samaritana, no poço de Jacó em Sicar ou no quase apedrejamento da mulher (e não do homem) acusada de adultério ?
    Há ainda, muito mais !

  2. Apenas dissonância cognitiva (pesquisar no Google).

    Ilustrando com um exemplo que talvez fará sentido ao Hermano: é a mesma coisa que faz alguém ser presidente de Associação, União, mas, na prática, agir como se fosse ateu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *