João de Deus pode ter abusado de alunas do IABC, em Abadiânia, GO

Conforme já mostramos aqui, numa entrevista ao Correio Braziliense, o médium João de Deus afirma: “Eu tive a honra de ir aos Estados Unidos para conhecer a primeira igreja adventista. E tiro o chapéu. Só não concordo com o dízimo. Em minha casa, quem quiser ajuda.”

Se você não sabia, o Instituto Adventista Brasil Central, internato Adventista, fica exatamente no município de Abadiânia, GO, cidade que sedia o trabalho do médium João de Deus, agora acusado de centenas de abusos contra mulheres e jovens que o procuravam em busca de “cura espiritual”.

O que levaria o médium (ou hipnólogo) e predador sexual João de Deus aos Estados Unidos “para conhecer a primeira igreja adventista”, a não ser a provável tentativa de impressionar a alguma de suas vítimas, provavelmente estudante do IABC?

Em breve, poderemos ter surpresas nesse sentido, mas de qualquer modo, num furo “profético” de explicação, antecipamos acima a provável resposta do médium diante dessa e todas as outras possíveis acusações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *