Morre o pai do Adventistas.Com: Rubens Lessa, ex-editor chefe da Casa Publicadora Brasileira

Lamentamos informar o falecimento do Pr. Rubens Lessa, a quem consideramos pai deste site (Adventistas.Com), ex-editor-chefe da Casa Publicadora Brasileira, onde trabalhou por 41 anos e meio. Lessa iria completar 82 anos de idade em maio deste ano.

Logo depois de se formar em teologia em dezembro de 1967, Rubens Lessa foi chamado para trabalhar no distrito de Marambaia, em Belém do Pará. De 1969 a 1970, foi distrital da igreja de Macapá, capital do então território federal do Amapá. Desempenhou várias funções como Departamental na Missão Baixo Amazonas. E em 1973, foi chamado para trabalhar na Casa Publicadora Brasileira, onde escreveu centenas artigos e vários livros.

Clique neste link para localizar tudo que publicamos sobre Rubens Lessa neste site.

[De acordo com nota publicada posteriormente à nossa pela Revista Adventista, “morreu neste sábado (12), em Tatuí (SP), o pastor e jornalista Rubens Lessa, aos 81 anos, vítima de infarto. Seu corpo será velado no auditório da Casa Publicadora Brasileira (CPB), instituição à qual serviu por mais de 41 anos como editor de livros, revistas e como redator-chefe. O corpo chegará no auditório da CPB às 8h deste domingo. O culto fúnebre está previsto para às 14h15. Na sequência, o corpo seguirá para Cerquilho, cidade vizinha, onde será sepultado.]

Lamentamos que ele tenha morrido antes de se arrepender de todo o mal praticado enquanto editor-chefe da Casa Publicadora Brasileira, contra subordinados e toda a Igreja Adventista.

Esta página — Www.Adventistas.Com — só existe porque ele não permitiu que houvesse transparência nas relações entre pastores e membros na Revista Adventista, através da seção “A Igreja é Sua”, que criamos ainda na década de 80. Além de mau chefe, foi perseguidor do movimento leigo, propagador de heresias e, caso não tenha se arrependido de tudo que fez, terá obviamente contas a acertar com Deus. Tanto ele quanto sua esposa maledicente.

O bilhete abaixo, que foi datilografado e assinado pelo próprio Rubens Lessa, o qual nunca mais tocou no assunto da seção “A Igreja é Sua”, marcou o início da busca de uma alternativa para que os membros da Igreja tivessem um canal próprio para se expressar. Assim nasceu o Adventistas.Com:

Nas imagens abaixo, você acompanha o lançamento da seção “A Igreja é Sua”, seguido de anúncios na Revista Adventista, uma primeira desculpa para a não publicação da seção, a publicação parcial de apenas duas denúncias e críticas de Rubens Lessa ao nosso trabalho.

11 thoughts on “Morre o pai do Adventistas.Com: Rubens Lessa, ex-editor chefe da Casa Publicadora Brasileira

  1. Que pena mexer com o ungido do Senhor, tudo que o homem semear isso também aceitará. Se já saíram da menina dos olhos da terra, que é a Igreja de Deus nos que aguardamos novos Deus e Nova Terra onde habita justiça, Portanto agradem o inimigo de Deus e ficam como Judas fez ou receberão logo os flagelos de Deus,ocupem com o tempo curto que lhe restam,Nós somos atalaia do Senhor e aos que dormem desde ja são bem aventurados, que acordarão pra gloria futura, se convertam antes, que seja tarde demais!

  2. Até quando um servo de Deus descansa, pessoas motivadas pelo diabo criticam. O único que acusa é o diabo e quem o segue assim o faz. Triste saber que esse site assim o faz seguido os passos do inimigo das almas o acusador, diabo satanás.

  3. Aos que redigem neste site. Lamento muito o posicionamento deste em relação ao falecido pastor. Nem em sua morte vocês não deixam de atacar a organização e seus pastores. O que vejo é um grupo de pessoas sem amor ao próximo, que dirá amor a Deus. Que não se compadece pela perda da família e não tem o mínimo de empatia por aqueles que lamentam esse fato. Isso não é de Deus.
    Usem o site de vocês para dar as boas novas e não para ficar postando assuntos contra a igreja da qual vocês saíram. Se tem motivos ou não isso interessa apenas a vocês e a Deus.
    Deus abomina a língua que causa intriga e contenda.
    O trabalho que fazem só tem um mandante e este é o inimigo das almas.
    Apontem para a luz e não para as trevas.
    E isto falo não somente por causa das organizações adventistas, mas de qualquer denominação pq sabemos que Deus tem os Seus em todos os lugares e que ouvem o Seu chamado.
    Falem de amor, falem de Deus. É para isso que deveria servir este site.

    1. De acordo 100% comentários reprovando esta
      Obra maligna. Esta obra terá sua recompensa junto com seu idealizador e inspirador.
      Nem respeitam a dor d família. Talvez vocês nem saibam o que é isso, família. Mais uma vez refletem comportamento do originador do mal.

  4. Deus é muito sábio ao permitir que o mistério da iniquidade se revele nesses últimos dias, foi uma pena eu ter tomados conhecimento da morte desse servo de Deus por um grupo que se promove com discursos de ódio contra a IASD, são tão perversos e malignos que mesmo diante da morte de um irmão na fé eles sentem prazer em difamar o ministério que exerceu o pastor Rubens Lessa.
    Realmente a cada dia se percebe pelos frutos quem realmente serve a Deus e quem serve ao pai do ódio e da difamação.

  5. O legado do Pr. Lessa consistiu num trabalho cuja natureza contradiz a obra maligna que envolve as publicações deste site (www.adventista.com). As palavras de “lamento” são tão fáceis de escrever e publicar, não é mesmo? Um lamento efetivo se mostra através da PRÁTICA.

    1. Lamentamos que ele tenha morrido antes de se arrepender de todo o mal praticado enquanto editor-chefe da Casa Publicadora Brasileira. Esta página só existe porque ele não permitiu que houvesse transparência nas relações entre pastores e membros na Revista Adventista, através da seção “A Igreja é Sua”, que criamos ainda na década de 80. Além de mau chefe, foi perseguidor do movimento leigo, propagador de heresias e, caso não tenha se arrependido de tudo que fez, terá obviamente contas a acertar com Deus. Tanto ele quanto sua esposa maledicente.

      Clique neste link para localizar tudo que publicamos sobre Rubens Lessa neste site.

      1. Hermano como pode afirmar que a pessoa morreu e não se arrependeu de seus pecados?
        Estou chocada com esse site! Chega a ser cômico a pretensão e arrogância.
        É exatamente assim mesmo que muitos cristãos se comportam como loucos perfeitos, sem defeitos e portadores da verdade absoluta, Levando muitas pessoas a correrem das igrejas, mas se comportar da mesma forma e se igualar a quem você rechaça é péssimo. Perdeu a credibilidade de tudo o que escreveu.

Deixe uma resposta para Aline Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *