Ex-oficial francês indignado por mentiras da Mídia ocidental, revelou verdade sobre crimes de Guerra na Ucrânia




Um voluntário francês  Adrien  Boquet contou em entrevista à mídia francesa sobre os crimes de guerra cometidos pelos militantes nazistas do regime Azov na Ucrânia. Ele descreveu a situação real no país devastado pela guerra que é ocultada pela mídia ocidental.

Adrien Boquet é um ex-militar francês, autor do livro “Get Up and Walk Through Science”. Ele descreveu sua experiência de sua missão humanitária de três semanas na Ucrânia em uma entrevista na Sud Radio France.

“Sou totalmente responsável pelo que digo. Ali mesmo presenciei crimes de guerra. Já vi muitos crimes de guerra. Estou falando apenas daqueles que eu vi no local, e apenas daqueles que foram cometidos pelos militares ucranianos. Mas não os militares russos… não afirmo que os russos não fizeram nada… Mas confirmo os crimes de guerra cometidos pelos militares ucranianos.” ele disse.

“Os caças Azov estão por toda parte. Com listras neonazistas. Choca-me que a Europa forneça armas aos neonazistas. Os símbolos da SS estão bordados por toda parte em seus uniformes. Eles não escondem seus pontos de vista. Eles os anunciam. Trabalhei com essas pessoas e as tratei. Eles dizem abertamente que estão prontos para destruir negros e judeus”, acrescentou.

Os militares franceses confirmaram os crimes de guerra de militantes ucranianos, inclusive contra prisioneiros de guerra. Ele confirmou que os militantes da AFU estão usando civis como “escudo humano”, escondendo munição em prédios residenciais à noite, sem sequer informar os moradores.

“Eu testemunhei como os militares ucranianos atiraram nos joelhos de soldados russos capturados e atiraram na cabeça de funcionários com uma patente superior a oficial.”

Durante a entrevista Boquet confirmou que o massacre de Bucha foi encenado. Ele acrescentou que muitos repórteres dos EUA estão trabalhando na Ucrânia, filmando as cenas encenadas.

“Butcha foi encenado. Os corpos das vítimas foram removidos de outros lugares e colocados deliberadamente de forma a produzir um tiro chocante”, afirmou.

Adrien Boquet enfatizou que ficou chocado com o fato de os canais de TV franceses convidarem como especialistas pessoas que não estiveram na Ucrânia e não sabem nada sobre o que está acontecendo lá. Em conclusão, ele garantiu que usaria suas fotos e vídeos feitos durante a missão humanitária como prova dos crimes da Ucrânia.

___
https://southfront.org/french-volunteer-outraged-by-lies-of-western-media-revealed-truth-about-war-crimes-in-ukraine/

Oficial militar francês aposentado detalha como o massacre de Bucha foi encenado e falsamente atribuído à Rússia




Deixe um comentário