image_pdfimage_print

‘Acho que nunca voltarei pra casa’, diz adventista leiga angolana que se refugiou em SP

EMILIO SANT’ANNA, DE SÃO PAULO

09/03/2016 02h00

Maria (nome fictício) refugiada angolana, que chegou ao Brasil fugindo da perseguição em seu país

Maria (nome fictício) refugiada angolana, que chegou ao Brasil fugindo da perseguição em seu país

O marido e a filha de dez anos desapareceram. A casa foi posta ao chão. Restaram um filho, uma gestação que só seria descoberta dois meses depois e uma passagem comprada às pressas por conhecidos para o Brasil.

De Angola, Maria (nome fictício), 29, não sabe mais nada. Da família, menos. Após fugir da violência e da perseguição religiosa naquele país, a vida por aqui é esperar: a terceira filha nascer, um emprego surgir, um aluguel que possa pagar, o tempo enterrar o que perdeu. Continuar lendo

Lobos em pele ovelha: Líderes oportunistas da IASD aliam-se ao governo de Angola para tentar encobrir genocídio que vitimou centenas de leigos adventistas

Lobos em pele ovelha: Líderes oportunistas da IASD aliam-se ao governo de Angola para tentar encobrir genocídio que vitimou centenas de leigos adventistas

Acusada de apoio explícito ao Governo ditadorial de Angola, com parceria espúria oficializada pelo presidente da Associação Geral, Ted Wilson, a liderança da IASD (Igreja Adventista do Sétimo Dia) em Angola, mais uma vez se posiciona como legitimadora dos desmandos e arbrietariedades que ocorrem no País, ignorando as denúncias de que houve centenas de mortes especialmente de mulheres e crianças adventistas que participavam de um grupo de leigos liderado pelo irmão José Julino Kalupeteka.

Por discordarem de alguns detalhes doutrinários e se oporem à maneira subserviente com que os líderes da IASD se uniram ao MPLA, partido a que pertence o presidente do País, esses irmãos leigos foram excluídos da Igreja Adventista e, a partir de então, perseguidos pelo governo como adeptos de uma “seita ilegal”. O resultado fatídico dessa aliança da IASD com o governo de Angola foi o genocídio de centenas de adventistas “dissidentes” no mês de abril de 2015, descrito em diversos artigos e reportagens publicados no site Www.AngoAdventistas.Com.

O adventista que tem cargo público no Executivo, Legislativo e Judiciário, é mais importante que os outros?

csm_WAPOA_876411f0db

A liderança da IASD entende que adventistas com cargo público devem receber tratamento diferenciado a partir de agora. Tanto é que durante a última reunião da Conferência Geral, em San Antonio, houve refeição exclusiva para esses “embaixadores de Cristo especiais”, quer fossem eles eleitos, concursados ou nomeados, e fundou-se uma espécie de associação de adventistas influentes junto aos governos.

Para Ellen G. White, é assim, através da manipulação do poder do Estado pela Igreja, que.a imagem à besta será formada pelo protestantismo apóstata. A justificativa da IASD seria a “solidão” em que esses irmãos se vêem em suas atividades. Contudo, a mesa e  parte do ambiente, coincidentemente, estavam decorados com as cores oficiais do Vaticano, amarelo e branco. Veja a notícia no site da Associação Geral: Continuar lendo

Novo portal AngoAdventistas.Com tem novas revelações sobre o caso Kalupeteka

davidmendes-kalupeteka

Acesse o portal Www.AngoAdventistas.Com e leia sobre a primeira visita do advogado David Mendes à cela onde está preso nosso irmão leigo José Julino Kalupeteka, vítima de perseguição da IASD, com o apoio oficial de autoridades angolanas. Por conta disso, o Governo de Angola está sendo acusado de genocídio, uma vez que cerca de 1080 fiéis adventistas livres, seguidores de Kalupeteka, teriam sido mortos. Este é o link:

Novas revelações do Genocídio ASD: Kalupeteka se entregou, foi torturado, está isolado e sem acesso aos meios de comunicação.

Acesse também nossa fanpage para obter mais informações sobre o caso: https://www.facebook.com/adventistascom

Entrevista-bomba: Conheça melhor José Kalupeteka, o adventista leigo que virou “pastor” e “profeta” de milhares e agoraestá preso em Angola

Na pregação mostrada acima, o irmão Kalupeteka fala sobre o ritual do santuário terrestre para milhares de pessoas em Angola, com tradução simultânea para a língua local. Para acessar a “entrevista-bomba”, acesse o novo portal Www.AngoAdventistas.Com: Crimes contra a humanidade: Houve genocídio étnico-religioso em Angola e os mandantes estão identificados

Genocídio ASD: Entenda o papel de Ted Wilson e outros líderes da IASD no massacre de Huambo, em Angola

11109160_10205295974191568_2985883651559220086_o

O presidente Ted Wilson da Associação Geral ASD havia endossado acordo da liderança da IASD em Angola com o governo, colocando os jovens adventistas como mão de obra grátis para “campanhas de limpeza e saneamento nos bairros da periferia de Luanda, proceder a arborização, pintura e poda de árvores”, etc. Mas os leigos ligados ao irmão Kalupeteka não aceitaram ser usados e controlados dessa forma pela organização adventista. Acabaram mortos por ordem de autoridades insufladas pela liderança adventista local. Enquanto isso, pastores adventistas recebiam salários adicionais do Governo sem trabalhar…

Cobertura total dos últimos acontecimentos em nossa fanpage no Facebook. Acesse e compartilhe:

https://www.facebook.com/adventistascom

Genocídio ASD: Populares convocam manifestação de repúdio a massacre de adventistas leigos em Angola

19 maio 2015

mortocaala

Luanda – Um grupo de cidadãos em Angola enviou recentemente uma comunicação ao Governo Provincial de Angola anunciando a realização, para o próximo dia 27 de Maio, de uma manifestação pacifica de repúdio contra aos recentes massacres [de adventistas leigos] no Huambo e outras praticas de assassinatos levada a cabo pela Policia Nacional. Continuar lendo

Genocídio ASD: Sobrevivente do massacre conta detalhes do ataque aos irmãos adventistas leigos em Angola

mateus_angolaHoje venho para dar-vos uma exata explicação sobre o acontecimento qui houvi na provincia do ‪#‎huambo‬,municipio da ‪#‎kahala‬, e comuna do ‪#‎sumi‬ com a ‪#‎policia‬ nacional contra a igreja ‪#‎cristã‬ no 7dia a luz do mundo.

É o seguinte:

O ancião da igreja adventista do 7dia de nome: Domingos bimba e ao mesmo tempo é chefe da policia de investigação criminal da kahála, espalhou um boato de qui José kalupeteka está a criar um exército.

O ancião da igreja adventista Domingo bimba, já mandou prender José kalupeteka várias vezes sem provas e o diabolizar.

Devido o Kalupeteka abordar nas suas músicas e pregações qui ele não morre com feitiço porqui tem Deus a lhe proteger,e de disvendar a mentira dos pastores, anciões, padres, e do papa atravez das escrituras bíblicas. Continuar lendo