Consulta: Quantas vezes um homem pode se casar sob as bênçãos de Deus?

Paz seja convosco!
 
Gostaria muito de saber:

Um homem crente que se casa a primeira vez com uma moça virgem e crente de sua igreja, ambos trabalham na Obra de Deus, chegam ao matrimônio e cumprem todo o ritual estabelecido, após alguns anos, 3 a 4 anos, tendo um filho ainda bebê, esse diz à sua esposa que perdeu o interesse nela (sexual), e esta, por sua vez concorda em separar-se...(não houve adultério sexual). Eles decidem pela separação sem sequer orar, tentar refazer tal matrimônio. 
 
 Após alguns anos, esse homem, tendo deixado a Igreja, afastando-se, conhece um mulher, não virgem, espírita praticante, começam um relacionamento na carne, passam a morar juntos e assim vivem por 12 anos, depois de um tempo juntos, ele a convence de ir à igreja, ela concorda e recebe Jesus como seu Senhor, eles se casam, ela batiza-se nas águas, depois vem a gravidez de uma filha. Eles permanecem juntos até a menina completar seus 7 anos, e ele não gosta de seus sogros porque diz que ambos sempre interferiram muito no seu casamento.
 
Enfim, separam-se (2º casamento), ele jura que não houve adultério sexual, mas diz que fez de tudo que pôde para permanecer no casamento por causa da criação da filha (o que acho muito esquisito), mas a mulher não o aceita e diz que já falou com seus pais e decidiu pela separação. Depois disso, ela volta para o espiritismo.
 
 Esse homem passa a morar sozinho, após um tempo, talvez uns 4 anos, ele se envolve com sua estagiária, 18 anos mais jovem que ele e mãe de uma menina; monta um apartamento para ela, ficando a maior parte do tempo ao seu lado, isso por 5 meses. Com essa mulher ele não teve filho. Após 5 meses, depois de uma discordância (ciúmes), ele sai da casa e telefona para ele avisando-a que não vá mais ao seu Escritório (Advogado) e deixe seus pertences arrumados que ele vai passar no apartamento somente para apanhá-los. E sai desse relacionamento sem palavras, virando as costas definitivamente para essa moça.
 
Depois disso, entra num site "cristão" de relacionamentos, ele já com 61 anos, escreve para uma mulher de 49 anos, solteira e mãe de um filho de 18 anos, fruto de um único relacionamento que teve antes de ser uma cristã. Gosta do seu perfil, justamente por ela ser íntegra, envolvida com a Obra de Deus, mas uma pessoa muito simples, sem malícia nenhuma da vida.
 
Eles começam um relacionamento à distância por 3 meses e ao 4º mês ele faz a ela a primeira visita em sua cidade. Bem, ambos acabam se envolvendo carnalmente, ela achando que encontrou sua metade, o homem preparado por Deus, pois ele conhece muito a Bíblia e ambos trocam reflexões diariamente. Se apaixonam e querem mesmo se casar. Ela sofre demais com a situação, pois aprendeu que a "fornicação" é pecado, mas ele tem uma visão mais moderna do Evangelho. Enfim, ambos estão vivendo um conflito sem tamanho.
 
Sou sua melhor amiga, ela é uma adoradora, está fraca demais na fé, temos ido até o seu lar, ela mora só com o filho, meu esposo é presbítero e o Senhor pela Sua misericórdia o usa com casais. Temos orado com ela e por ela. No seu coração ela deseja fazer a vontade de Deus, quer sair desse relacionamento porque entende que está em pecado e ele não aceita, pois diz que Deus é perdoador e que ele pode se casar com ela a hora que ela quiser.
 
Irmãos, por favor, eu e meu marido temos receio de interferir na vida dessa irmã, mas a Palavra de Deus é clara. Só que essa irmã está sem forças e precisa ser aconselhada à luz da Bíblia. Nos ajude, pois marcamos de fazer com ela um estudo em sua casa e queremos que vocês nos ajudem a entender o caso dessa amada irmã. ELA DEVE SE CASAR COM ELE? ELE PODE CASAR-SE NOVAMENTE, PELA 3ª VEZ À LUZ DA PALAVRA DE DEUS?
 
Deus os abençoe!
 
Ir. Esther e Oziel Oliveira

Para entrar em contato conosco, utilize este e-mail: adventistas@adventistas.com