Revelação máxima: Michelson Borges supera Moisés e reescreve Gênesis 1

Este vídeo é uma produção da GBM. O texto é de Michelson Borges, as imagens são do João Luiz Cardoso e a narração é de Sérgio Azevedo. Como dá para perceber, Michelson pretendeu fazer melhor que Moisés ao descrever a “criação”, em linguagem “cientificamente correta”, mas biblicamente equivocada.

Continuar lendo

Como “desliteralizar” Gênesis 1 sem dizer que o está “alegorizando”

Basta atribuir por simples afirmação novos significados a algumas palavras-chave, impondo sua credibilidade e confiabilidade como intérprete oficial do hebraico e garantindo que na concepção do antigo oriente próximo, pôr para funcionar seria mais importante que criar do nada. Essa espécie de conhecimento especial e oculto que seria necessária para entender o que é verdadeiro no texto bíblico, equivale à volta do gnosticismo ao cristianismo.

Depois de afirmar que o estilo poético-prosaico do texto hebraico de Gênesis 1 exige leitura e compreensão literal, sem o sentido metafórico que atribuímos à poesia e que não se trata de um mito ou fábula, mas de um registro histórico, o pastor e professor do Unasp Edson Nunes, volta à rica, culta e exigente igreja de Moema, em São Paulo, SP, com outra leitura de Gênesis 1. Continuar lendo

Conferência Geral da IASD decide não investir mais em fábricas de armas

Segundo comunicado oficial, a IASD mundial deu ordens ao setor de investimentos para deixar de ter ações em empresas que têm a maior parte de seu lucro ou parte significativa de seu lucro com armas. Veja comunicado inteiro abaixo.

Uma carta aberta da União Norueguesa e especialmente o dano de relações públicas surtiram efeito rápido. Apesar de a arma em si mesma não ser condenável pois a Bíblia diz que é bom que as autoridades portem a espada Rm 13. Em todo caso, fica o recado da IASD de querer ter as mãos limpas. Continuar lendo

CPB ameaça processar missionários voluntários do IAGE

Antes de mais nada: a intenção deste artigo é apresentar o caso ao público adventista para consideração, a fim de a CPB pensar duas vezes antes de tomar ação judicial de fato. A página do Congresso MV tem público adventista, por favor não compartilhe esta mensagem fora de nosso círculo denominacional (1Sa 1:20). Outro objetivo é que o processo não se estenda a outros casos similares nesta Divisão e pelo mundo. Continuar lendo

Pastor assistente do Unasp percebe a importância de crer na Bíblia como ela é…

Henrique Gonçalves defende a crença na literalidade do relato bíblico da Criação, com sua cosmovisão que muitos consideram pré-científica e ultrapassada, sob pena de não termos sequer certeza de que Deus está no Céu e ouve nossas orações. Para ele, sem a cosmologia bíblica do Gênesis perderemos a perspectiva escatológica das profecias da volta de Cristo, quando o Sol se escurecerá, a lua não dará sua luz e as estrelas cairão do céu, que se enrolará como um pergaminho, para que todo olho veja Jesus vindo sobre as nuvens. 50 minutos de bênçãos para sua vida! Assista.

Pastor presbiteriano explica o que o Dr. Rodrigo Silva não tem mais coragem de dizer sobre a terra plana

De Gênesis ao Apocalipse, essa é a cosmologia bíblica, revelada não aos judeus unicamente, mas a todos os seres humanos. Foi ilustrada pelo tabernáculo do deserto, incluída nos dez mandamentos e necessária para a compreensão e cumprimento das profecias do Antigo e do Novo Testamento, especialmente as de Daniel e Apocalipse, relacionadas ao tempo do fim. O modelo foi também confirmado pelo próprio Filho de Deus, criador de todas coisas. Continuar lendo

Revista Ministério em inglês mostra que: “No princípio,… [críamos em] Deus,” mas já defendemos até a Evolução…

“No princípio, Deus …”: Uma revisão histórica do debate sobre a criação entre os adventistas do sétimo dia (Traduzido pelo Google Translate.)

Gerhard Pfandl

Gerhard Pfandl, Ph.D., é diretor associado do Instituto de Pesquisa Bíblica, Associação Geral dos Adventistas do Sétimo Dia, Silver Spring, Maryland.

Nota Editorial: Embora este texto, agora em forma de artigo, não seja aquele que foi apresentado em qualquer uma das Conferências de Fé e Ciência convocada nos últimos três anos, é um que foi apresentado em locais apropriados durante este período de tempo e teve a sua influência sobre o diálogo. Acreditamos que isso contribui para nossa autocompreensão como adventistas do sétimo dia quando se trata das questões da criação, evolução, fé e ciência. Está, portanto, incluído em nossa série “Ministry Faith and Science”.

Em sua sessão mundial de 1980 em Dallas, a Associação Geral dos Adventistas do Sétimo Dia votou oficialmente a declaração de fé da igreja em termos de 27 crenças fundamentais. Continuar lendo

Confusão desde o princípio: Como teólogos adventistas interpretam Gênesis 1

Assista ao vídeo e leia o artigo a seguir e, com certeza, irá perceber e concluir que, em relação à crença no relato da Criação feito no Gênesis, existem pastores e membros adventistas de vários tipos. Adventistas da leitura casual, adventistas da leitura mais minuciosa, adventistas da Terra já criada e só modelada, adventista não literalista da criação, adventista literalista da criação, adventista do mito, adventista da poesia, adventista do relato simbólico, adventista do sentido teológico… Continuar lendo