Antes de ler “A Vinda do Consolador” relançada pela CPB, baixe e leia GRÁTIS este outro livro…




Dublado em português:




Leroy Edwin Froom é acusado de:

1) Falsificar a história sobre a posição pioneira original da IASD em relação à trindade. Essa história revisionista pode ser vista nos livros Questions on Doctrine e Movement of Destiny. Embora Froom não seja o criador dessa tática, ele é certamente o principal perpetrador e divulgador dela.

2) Queimar provas em contrário. Este fato pouco conhecido revela muito sobre o Sr. Froom. Os verdadeiros historiadores não queimam o material original, mas Froom o fez! Quando soube disso, nem fiquei surpreso. Ele se encaixava perfeitamente no padrão porque, com base nas cartas pessoais que ele recebeu, Le Roy Froom realmente sabia a verdade, mas preferiu mentir de qualquer maneira. Essas foram apenas mais algumas táticas desonestas e dissimuladas da parte de Froom.

3) Promover a não-geração do Filho de Deus, introduzindo uma nova teologia e desempenhando um papel cwntral na eliminação das antigas referências dos pioneiros ao Filho gerado. Devido a isso, Froom é certamente culpado pela doutrina pseudotriteísta que existe no adventismo hoje.

4) Manipular os dados inspirados do Espírito de Profecia. Froom fez isso em alguns assuntos. Basicamente, ele usou apresentações de dados parciais, citações fora de contexto e elipses para fazer a Sra. White parecer que ela estava apoiando doutrinas em que ela realmente não acreditava (ou seja, trindade, pré-queda, carne sem pecado, natureza de Cristo, expiação [completa] [no Calvário]) [colchetes adicionados para maior clareza].

Elemento Perigoso: Procura-se Leroy Edwin Froom

Fonte:




Deixe um comentário