Folha.com: Justiça dá a estudante adventista direito de faltar a aulas no sábado bíblico

REYNALDO TUROLLO JR.
COLABORAÇÃO PARA A FOLHA

Uma estudante adventista matriculada numa universidade católica do interior de São Paulo conseguiu na Justiça, na semana passada, o direito de não ir às aulas às sextas à noite e aos sábados de manhã.

Quielze Apolinario Miranda, 19, é da igreja Adventista do Sétimo Dia, que prega o recolhimento da hora em que anoitece nas sextas-feiras até o fim do dia dos sábados. Aluna do 1º ano do curso de relações internacionais da USC (Universidade Sagrado Coração), instituição fundada por freiras católicas em Bauru na década de 1950, Quielze nunca foi às aulas noturnas às sextas e aos sábados e corria o risco de ser reprovada por faltas.

Ela diz ter tentado negociar com a reitoria para apresentar trabalhos alternativos. A USC, de acordo com a estudante, negou em várias instâncias o pedido.

“Geralmente, em outras faculdades é mais fácil. O pastor entrega uma cartinha falando sobre liberdade religiosa e o aluno consegue a dispensa”, afirma. “Aqui, não consegui.”

TRABALHO EXTRACLASSE

No último dia 16, o advogado da aluna, Alex Ramos Fernandez, entrou com mandado de segurança na Justiça Federal de Bauru.

Solicitou a substituição das atividades das 18h das sextas às 18h dos sábados por “prestações alternativas”, como trabalhos extraclasse.

“O que ela estava buscando era uma igualdade para preservar o sentimento e a intimidade religiosa dela”, diz.

“Nesses casos o aluno até estuda mais, pois os professores dão trabalhos mais elaborados do que assistir a uma aula. Não há uma quebra de isonomia entre os alunos.”

AMPARO LEGAL

O juiz da 3ª Vara Federal de Bauru, Marcelo Zandavali, concedeu uma liminar que obriga a USC a oferecer atividades alternativas.

De acordo com o texto, a USC alegou que faltava ao requerimento da aluna “amparo legal”.

O magistrado discordou da instituição e baseou sua decisão nos artigos 5º e 9º da Constituição e na lei paulista nº 12.142, de 2005, que assegura ao aluno esse direito em respeito à sua religião.

A USC informou que só vai se manifestar depois de ser oficialmente notificada.

Segundo o advogado de Quielze, que é adventista e se especializou em casos como o dela, a Justiça vem atendendo, nos últimos anos, aos pedidos de alunos adventistas e judeus, que também guardam os sábados.

A igreja Adventista do Sétimo Dia, religião cristã que surgiu nos anos 1840 nos Estados Unidos, tem como doutrina a crença que Jesus voltará -o advento- e que os mortos dormem, inconscientes, até a ressurreição. Existe no Brasil desde 1894.

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/1014846-justica-da-a-estudante-adventista-direito-de-faltar-a-aulas.shtml

23 thoughts on “Folha.com: Justiça dá a estudante adventista direito de faltar a aulas no sábado bíblico

  1. Pessoal, enquanto nós olharmos para o homem acharemos defeitos!
    Mas o nosso exemplo é Jesus Cristo!
    E todos nós somos pecadores e sujeito a cometer erros e não cabe a nós julgar.
    Temos que estudar mais a biblía e pedir orientação do Espírito Santo, porque a biblía é clara no que diz mas muitos tentam distorcer para fazer o que é mais conveniente. Como no passado hoje é a minoria sustenta san doutrina.
    Um abraço a todos!

  2. pessoal.. vamos deixar de picuinha e estudar a biblia profundamente com atitude de oração para que o espirito santo abra os nossos olhos e nos de sabedoria para entendermos a palavra de deus. e não deixar levar pelo que você ouviu de um pastor ou qualquer outra pessoa. estude a biblia peça orientação divina que vc tera todas as respostas que vc precisa para garantir a sua salvação. quando achar as respostas passe adiante mas da forma correta. vá a deus aberto sem preconceito tire suas proprias conclusões. a biblia e a palavra de deus não tente muda-la. a palavra de deus não muda . a lei de deus e eterna cabe a nos aceitar e obedece-la como ela é . ore. peça a deus, e ele nos abrirar os olhos . a lei de deus não é como a lei dos homens que deixa brecha. não temos a capacidade de mudar nada para adaptar ao nosso estilo de vida. estude a biblia e guarde o que nela está escrito e serás feliz eternamente , que deus nos abeçoe

  3. os olhos do senhor procuram os fieis da terra,é uma pena q tem pessoas q usam os fieis para criticarem do q nada sabem. Deus tenha misericordia destes.

  4. O sábado foi instituído na CRIAÇÃO muito antes de Deus dar os 10 mandamentos ao povo de Israel….. Ou seja.. o sábado foi CRIADO com a finalidade de dedicarmos este dia especialmente a Deus.
    Lembrando que Deus criou os dias da semana, junto com o resto da criação. Se ele havia terminado de criar tudo o que havia na terra, nos céus e no mar, pq então criar MAIS UM DIA…? porque, obviamente, este era um dia separado.. um dia especial… senão Deus podia ter parado no sexto dia não é? PRA QUE CRIAR MAIS UM DIA? pq este foi o presente que Ele nos deu, a bênção especial…

    E se foi instituído na CRIAÇÃO, não tem a ver com Lei nenhuma!!! (apesar DEle ter relembrado isso ao povo de Israel, sob a forma de 4o mandamento, já que o povo de Israel tinha passado por um longo período de escravidão no Egito – terra pagã – e se esquecido de Deus).

    Agora… se quiserem ignorar o fato da observação do sábado… mudem a suas crença e creiam que Deus criou o mundo em seis dias…. pq o SÉTIMO DIA foi criado com um propósito. Foi criado para o DESCANSO, COMUNHÃO, ADORAÇÃO…. PARA O HOMEM! Ou vcs acham que Deus estava cansado de ter criado a Terra e precisou criar mais um dia pra Ele mesmo descansar…? Obvio que não né! Criou para nós!!!! Agora, se vc não reconhece, não guarda o sábado, não considere a criação em sete dias… Jogue fora o sétimo… porque é inegável a vontade de Deus em criar o sétimo dia….

    1. O sábado foi instituído na CRIAÇÃO muito antes de Deus dar os 10 mandamentos ao povo de Israel….. Ou seja.. o sábado foi CRIADO com a finalidade de dedicarmos este dia especialmente a Deus.
      Lembrando que Deus criou os dias da semana, junto com o resto da criação. Se ele havia terminado de criar tudo o que havia na terra, nos céus e no mar, pq então criar MAIS UM DIA…? porque, obviamente, este era um dia separado.. um dia especial… senão Deus podia ter parado no sexto dia não é? PRA QUE CRIAR MAIS UM DIA? pq este foi o presente que Ele nos deu, a bênção especial…

      E se foi instituído na CRIAÇÃO, não tem a ver com Lei nenhuma!!! (apesar DEle ter relembrado isso ao povo de Israel, sob a forma de 4o mandamento, já que o povo de Israel tinha passado por um longo período de escravidão no Egito – terra pagã – e se esquecido de Deus).

      Agora… se quiserem ignorar o fato da observação do sábado… mudem a suas crença e creiam que Deus criou o mundo em seis dias…. pq o SÉTIMO DIA foi criado com um propósito. Foi criado para o DESCANSO, COMUNHÃO, ADORAÇÃO…. PARA O HOMEM! Ou vcs acham que Deus estava cansado de ter criado a Terra e precisou criar mais um dia pra Ele mesmo descansar…? Obvio que não né! Criou para nós!!!! Agora, se vc não reconhece, não guarda o sábado, não considere a criação em sete dias… Jogue fora o sétimo… porque é inegável a vontade de Deus em criar o sétimo dia….

      Aliás, é óbvio que podemos, e devemos ter comunhão com Deus a qualquer tempo, qualquer dia, qualquer hora…. mas se Deus não se importasse com o sábado e suas implicações, Ele NEM TERIA feito o sábado.. Ele nem teria falado nada!!!!!

      Deus não faz coisas só por fazer.. sem sentido…. se Ele criou o sábado, é pq há um propósito!… A minha ou a sua opinião em guardar qualquer outro dia NÃO VALE NADA se comparada ‘a VONTADE DE DEUS, correto? Portanto, os “eu acho que pode ser qualquer dia” fica complicado se compararmos ao que DEUS ACHA…

    2. Quanto ao Shabat(Sabado[descanso]) concordo plenamente como vc! O 7º dia como descanso não tem haver somente com Israel, mas como toda humanidade! Salomão antes de cair no paganismo disse: “é dever de todo homem”, é imutável, para alterar e cancelar o 7º dia somente desfazendo completamente a criação, e somente um pode fazer isso, somente aquele que tudo fez, somente aquele que é! HALELUYAH!

  5. Voces que gastam tempo em fazer criticas a irmãos, estão ajudando o acusador
    ao inves de pregar a salvação a tantas pessoas que estão perecendo no pecado,
    enlutadas sofrendo sem perspectiva e esperança .Orem a Deus para que tire
    a ira e o mal de suas vidas chega de ficar apedrejando esta ou aquela instituição
    o que fez jesus quando esteve aqui ,pense nisso deixem a hipocrisia e procuremos viver o que jesus ensinou ….

    1. Em Mateus 12:32 Jesus diz: “Raça de víboras, como podeis vós dizer boas coisas, sendo maus? Pois do que há em abundância no coração, disso fala a boca.”

      Os fariseus eram os crentes de hoje, aqueles que conheciam a Palavra de Deus, dominavam cada linha das escrituras sagradas, cuidavam do templo e ensinavam o Velho Testamento ao povo. Por quê então Jesus os chamou de “raça de víboras”? Se formos até Gênesis nós vamos ver outra citação com a palavra SERPENTE, que segundo o aurélio significa: “Réptil da ordem dos ofídios; cobra.” Ou seja, cobra, víbora e serpente são a mesma coisa. Em Gênesis é contado o fato da serpente e de Eva, naquele momento a serpente possuia informações e conhecimentos que Eva não possuia, a serpente ( diabo ), se aproveitou da inocência de Eva e a enganou, manipulando-a a fazer a sua vontade, como diz em Gênesis 3:13: ‘E disse o SENHOR Deus à mulher: Por que fizeste isto? E disse a mulher: A serpente me enganou, e eu comi.” Há um outro versículo em que Paulo alerta os irmãos da igreja de Coríntios assim: “Mas temo que, assim como a serpente enganou Eva com a sua astúcia, assim também sejam de alguma sorte corrompidos os vossos sentidos, e se apartem da simplicidade que há em Cristo.”

      Quando Jesus chamou os fariseus de “raça de víboras” ele não os estava simplesmente “xingando”, ele os estava comparando com a serpente do Jardim do Édem, Satanás! Pois os fariseus enganavam o povo e manipulavam o povo, pois eles possuiam um estudo maior, um conhecimento maior, eram SUPERIORES. E Paulo diz aos de Coríntios basicamente uns 60 anos depois da morte de Cristo que pessoas como os fariseus ainda existiam, inclusive ele foi um desses, pois era fariseu circuncidado, e matou muitos cristãos, ele tambem sabia do que estava falando.

      E hoje? Ainda existe no meio da igreja, fariseus, “raças de víboras”? Jesus os chama assim pois assim como a serpente de Gênesis enganou duas pessoas, naquela época homens estavam agindo guiados pelo mesmo espírito de engano e manipulação que levou Adão e Eva a perecer, a palavra de Deus diz que o povo perece por falta de conhecimento!

      Não se deixe ser enganado por “raça de víboras”, busque o conhecimento de Deus em Sua Palavra, muitos hoje tem enganado e manipulado muitos porque estão em posições favoráveis, tanto de posto como de conhecimento, não espere receber ajuda de outros para conhecer Deus e suas promessas, busque em Sua Palavra, e jamais você será enganado como Eva e Adão foram, e como muitos são hoje, esse espírito não tem nome, esse espirito é o próprio Diabo! Denunciemos o engano no meio do corpo de Cristo! O Evangelho de Cristo e dos Apóstolos não é o que tem sido ensinado hoje, o que tem sido ensinado hoje é ENGANO e MANIPULAÇÃO!!! Como você disse, vamos olhar para Cristo e aprender sobre ele Nele. Não nos Fariseus de hoje!!! E peço que andemos nos analisando todos os dias, para que não venhamos fazer o mesmo e sermos comparados ao Diabo!

  6. meus irmãos, não vamos fazer briga por pouca coisa.

    eu não acredito que o fato de eu guardar o domingo em vez do sabado não é contra a , mas se os adventistas acreditam que isso é bom pra eles e não concordam em deixar, vamos aceitar sua opinião. alem disso não é o que Paulo diz em Romanos 14.6-7 quando fala que devemos aceitar aqueles que acham um dia diferente do outro.

    vamos discutir menos por causa dessas picuinhas e pregar mais que JC, Deus encarnado, morreu na cruz para nos reconciliar com o próprio Deus e que todos nós devemos aceitá-lo para vivermos uma nova vida nEle.

    que Deus os abençoe.

    1. outra coisa que realmente importa: parabens Quielze pela sua vitoria na justiça. que Deus te abençoe de agora pra frente e te de a sabedoria pra lidar com os trabalhos que vai ter.

    2. Paulo dá sinais claros que ele é o homem de Belial! Se põe como mediador… “sejais meus imitadores”, se chama de apóstolo mas não cumpre com as normas para tal, não teve com o messias durante a pregação, não o viu ascender aos céus.

      Portanto paulo não é apóstolo, nem sua “conversão” e morte tem testemunhas verdadeiras, paulo era romano, tinha uma “carta” do sinédrio que lhe dava “poderes”, MENTIRA! Quando Roma dominava sobre uma nação quem julgava crimes era ROMA! Sinédrio não tinha mais nenhum poder, antes mesmo de Roma dominar a terra santa, na realidade há vestígios de que paulo era na realidade um espião direto do imperador, JAMAIS o imperador julgava um homem pregador de uma “seita”…. Não há testemunhas de sua morte, aliás há registros de um homem que tinha posses e filhos e mulheres que andava pela india pregando ser ele um messias salvador do mundo… muitos o reconheceram como Paulo de tarso! Após ser reconhecido ele desapareceu…

      Maçonaria, rosa cruz, elite Kardesista e registros Hindus confirmam o tal “homem que se dizia jesus pregando na India” e o reconhecimento de missionários como o falecido Paulo de Tarso…

    1. que tanto se fala em “Lei que foi abolida”, se Deus disse que não seria mudado nem uma letra nem uma virgula da palavra dEle, e que Jesus veio para cumprir e não para abolir/mudar?
      qta confusão.
      Os 10 Mandamentos devem ser seguidos, como disse Jesus “Por amor de Mim seguiras a minha Lei”
      Se vc cre, vc segue.
      Se a Lei (10M) tivesse sido abolida, então ta liberado matar, roubar, cobiçar a mulher do proximo, as coisas do proximo, etc etc etc.

  7. Realmente não há esse distinção. Mas há distinção entre Lei de Cristo, Lei da Liberdade, lei universal X lei sacerdotal. Como?

    Hebreus 7 diz que ‘mudando o sacerdocio, muda-se a lei’. No entanto, o ‘nao cobiçarás’, o ‘não adorarás a outros deuses’, sao mandamentos que persistem até hoje. Portanto, os Dez Mandamentos nao sao leis sacerdotais.
    Notamos esse diferenca tambem, com Tiago. Tiago, em Atos 15:29, propoe que apenas 4 ordenancas sejam dadas aos cristaos, e nenhuma das que ele disse eram dos Dez Mandamentos. No entanto, Tiago contradiz tal afirmacao, ao pedir aos cristãos para que guardem os mandamentos, em Tiago 2:28-12? Esse trecho diferencia os Dez Mandamentos com a lei sacerdotal. Os Dez Mandamentos não mudaram, mas a maior parte do resto da lei foi abolida, e essa lei que foi abolida, foi substituida pelas 4 ordenanças de Tiago, em Atos 15, inspiradas por Deus.

  8. Fábio,

    PRIMEIRO: Se você querer usar o Colossenses 2:16 para ser contra o mandamento santo, então você também é a favor de que beber cerveja, cachaça, é correto? Por que lá também diz ‘pelo beber’, assim como diz ‘pelos sábados’!!! Paulo estava se tratando de JULGAR, julgar pelas aparências por qualquer coisa, é mesmo errado!

    SEGUNDO: Se trata dos ‘sábados’! Quando se diz ‘sábados’ (no plural) se trata de sábados cerimoniais, levíticos, e não o Sábado, DIA santo do Senhor.

    Uma das várias provas de que o sábado é para cristãos, é a própria palavra sábado, do hebraico shabat e do grego sabatum. Sempre que os cristãos se referiam, no NT, ao sétimo dia, não chamavam de sétimo dia, como se fosse um dia qualquer, mas chamavam de sábado! Os dias não tinham nomes, mas entao porque chamavam de sábado? Porque era o dia que eles descansavam, o dia santo do SENHOR, conforme diz o mandamento (Lucas 23:56).
    A estudante está extremamente certa! O shabat foi feito por causa do homem, que vive ocupado: Um dia de dedicação total a Deus.

    1. Caro Gleison

      O Novo Testamento mostra que os cristãos não estão mais sob a obrigação de guardar a lei do Velho Testamento. Os adventistas e outros tentam escapar do significado destes textos, inventando a diferença entre a lei moral, que eles chamam a lei de Deus, e a lei cerimonial, que eles chamam a lei de Moisés. Normalmente, eles ensinam que a lei cerimonial foi abolida por Cristo (assim não guardamos a Páscoa nem oferecemos sacrifícios de animais) mas a lei moral ainda está vigente. Esta distinção não está na Bíblia.

      A Bíblia usa as expressões lei do Senhor e lei de Moisés, sem fazer distinção, nos mesmos casos:

      • 2 Crônicas 34:14¬ “Quando se tirava o dinheiro que se havia trazido à casa do Senhor, Hilquias, o sacerdote, achou o Livro da Lei do Senhor, dada por intermédio de Moisés.”

      • Esdras 7:6¬ “Ele era escriba versado na lei de Moisés, dada pelo Senhor Deus de Israel; e, segundo a boa mão do Senhor seu Deus, que estava sobre ele, o rei lhe
      consagrar, para queimar perante ele incenso aromático, e lhe apresentar o pão contínuo da proposição, e os holocaustos da manhã e da tarde, nos sábados, nas luas novas e nas festividades do Senhor nosso Deus; o que é obrigação perpétua para Israel.”

      • 2 Crônicas 8:13¬ “E isto segundo o dever de cada dia, conforme o preceito de Moisés, nos sábados, nas luas novas e nas festas fixas, três vezes no ano: na festa dos pães asmos, na festa das semanas e na festa dos tabernáculos.”

      amigo
      podemos conversar muito mais
      um forte abraço e fica com Deus
      Fábio

    2. Claro que a estudante está certa se é ao sábado que ela se dedica ao culto de Deus como também concordo se ela o fizesse ao domingo. Para mim, é irrelevante o dia da semana em que se presta o culto. Houve a necessidade, em tempos, de estabelecer um dia como memorial dos convénios com Deus e esse dia foi o sétimo dia. Atualmente, longe de ritos do antigo Testamento, pode-se ainda estabelecer um dia para esse memorial mas isso depende da organização religiosa de que se faz parte. No caso de cristãos não aderentes a nenhuma igreja cada um escolhe o dia e a hora de acordo com a sua consciência. Poderá ler-se a bíblia todos os dias num momento de disponibilidade em casa e isso será já cultivar o espírito de Deus. Quem souber cantar o fará também. Ouvir música cristã de qualquer denominação religiosa ajudará igualmente a manter a ligação a Deus. Há várias maneiras de recordar que Deus existe e a ele tudo devemos. Através da oração em privado…É lógico que o grupo é essencial para reforçar os sentimentos de ligação a Deus. É bom sentirmo-nos apoiados mas se não o pudermos fazer numa igreja que o façamos em particular. Aí não há sábados nem domingos, somos livres, mais verdadeiros, despojados de artifícios perante Aquele que nos conhece.

  9. A estudante, poderia ter lido Colosenses 2:14 a 17, e ter ido a aula sem problema algum, não concordam? Ou o próprio pastor de sua igreja ter lido com ela.

    Um forte abraço
    Fábio

  10. Henrique, nao acreditamos em evolucao mas nem por isso deixamos a aula de biologia. Temos total direito, e ateus tambem, de liberdade religiosa, sim. Mas se alguem é ateu, nao acredita em religioes, em tao pra que deixar de assistir uma aula de religiao? Eu sou criacionista, entao nao me importarei de ouvir uma aula evolucionista pois ela nao me convencerá! Nao há entao, motivo de ir à justiça garantir essa liberdade que os ateus querem, nao compensa, e vai dar na mesma.

  11. A liberdade de crença religiosa é um direito de todo o cidadão, os EUA fundou sua Constituição em cima deste direito, Deus outorgou o direito de Liberdade a todos, parabéns a nossa querida Quielze pela sua perseverança e aos ilustres magistrados que lutam pela liberdade religiosa.

  12. Assim como pessoas de diferentes religiões têm resguardados os seus direitos inerentes na Constituição e são respeitados, também os ateus devem ser respeitados quando não quiserem assistir as aulas de religião nas escolas que hoje em dia são obrigatórias. O mais desprezado em toda a sociedade é o ateu.

    1. Concordo! Não sou ateu, pelo contrário, mas sou favorável a isso, o estado sempre ter que ser Laico, e ateus não tem obrigação de estudar religião sendo que não crê em religiões!

Deixe uma resposta para Reuven Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *