Trindade: Adventistas leigos refutam argumentos mentirosos de Michelson Borges e seu bando de inimigos da Verdade

O pior e mais arrogante dentre os inimigos da Verdade bíblica, que se associaram a Michelson Borges para negar e combater as Escrituras, é o pastor Eleazar Domini, amigo e defensor de macumbeiros e adoradores de demônios.

Veja:

Acesse também nosso site exclusivo sobre a temática da Trindade na Igreja Adventista do Sétimo Dia, organizado por um teólogo adventista que prefere não ser identificado po ainda pertencer a qUadro de Obreiros da IASD: Www.ArquivoXIASD.com.

1 comentário em “Trindade: Adventistas leigos refutam argumentos mentirosos de Michelson Borges e seu bando de inimigos da Verdade”

  1. Eis que eu vos enviarei o profeta Elias, antes que venha o grande e terrível dia do Senhor… Malaquias 4:5
    A maior manifestação ocorrida por atuação do profeta Elias, foi a demonstração de quem era, e sempre será, o Deus Criador.
    O povo escolhido por Deus para levar o conhecimento de sua vontade e quem Ele era, e sempre será, aceitou o sincretismo com “deuses” inventados por humanos, e que, para enganar e satisfazer alguns, ou muitos, que não eram como os bereanos, então foram criados deuses muito parecidos com o Deus de Abraão, Isaque e Jacó.
    Agora, no final da história, antes da segunda vinda, também nos será enviado com a coragem e com o poder que Elias recebeu, alguém que como Elias, não tenha medo de dizer ao “povo de Deus” que o verdadeiro Deus não é essa invenção “Babilônica” três em um ou um em três.
    Eu, particularmente, creio que esse alguém, para ser comparado ao profeta Elias, precisa ser alguém que tenha uma projeção e visibilidade a ponto de ter coragem de ir na presença das maiores autoridades eclesiásticas, especialmente da autoridade que também é uma autoridade política, mesmo que seja do menor “Estado” politicamente organizado, e, que tem seus súditos espalhados por muitos outros países, e declarar que o Deus Criador não é esse que é invencionice humana.
    O desafio deverá ser feito de forma pública, com grande pompa e circunstância, assim como o profeta Elias fez.
    A declaração do profeta Malaquias, até pode ter aplicações secundárias, mas sem nenhuma dúvida é uma profecia futurista; e se cumprirá num momento próximo ao grande e terrível dia do Senhor.
    Esse “Elias” terá a mesma missão daquele que lhe emprestou o nome, e nem precisa ter o mesmo nome, homônimo, mas fará o mesmo trabalho, então o povo de Deus saberá quem é Deus.

Deixe uma resposta