Patrick Siqueira bloqueou sua conta no Facebook e informa que vai pedir demissão

É possível que as informações que recebemos estavessem corretas e que a Organização adventista fosse mesmo aceitar o Pastor Patrick de volta até provar que o problema era ele. Mas, ao que tudo indica, o mais provável é que Patrick Siqueira tenha desistido de insistir para permanecer na Organização adventista, como informa o YouTuber “Leandro Muito Love” em seu canal:

Descrição do vídeo da “live” do irmão Leandro: “Infelizmente o Pr. Patrick Siqueira está desistindo da luta, mas quero dizer que o entendo perfeitamente, pois é uma batalha difícil, injusta, a gente se vê em situaçãos que nunca imaginamos estar e que na verdade não precisamos estar, afinal o “GADO” vai continar o sendo, eles defendem, repetindo como zumbis “não julgueis… não julgueis.” fica muito difícil tentar ajudar pessoas que não querem ser ajudadas. Pr. Patrick é mais um dos muitos que serão aparentemente derrotados, digo aparentemente, porque ele seguirá com sua luta do dia a dia aquela que todos nos lutamos pra ter o nosso pão em cada manhã, isso é o que resta, mas saiba pastor, o Sr. fez sua parte, e no futuro olharemos pra trás e poderemos dizer, Combati o bom combate, terminei a corrida, guardei a fé… Deus nos abençoe.” #chegadesergado​ #Adventistaspensantes​ #ErtonKohlervaidescansar​




1 comentário em “Patrick Siqueira bloqueou sua conta no Facebook e informa que vai pedir demissão”

  1. Paz em Jesus!

    Sinto a dor desse pastor, pois também passei pelo tribunal inquisitório dos detentores do poder organizacional, o que não significa que são líderes de fato. Fui pastor ordenado da IASD e também sofri muito por ser tratado com injustiças. O que foi escrito acima eu assino embaixo quando você diz que talvez a Organização adventista fosse mesmo aceitar o Pastor Patrick de volta até provar que o problema era ele. Sim, quando eles não tem do que acusar um bom pastor eles o marcam e o humilham ao máximo até provar para a membresia que o problema estava com o pastor e não com as injustiças cometidas por eles, os detentores do poder, que forma corrompidos pelo poder e amam mais a si mesmos do que a igreja. Erton foi meu colega de turma no SALT/IAE e sempre agiu como um político religioso profissional que ambiciona o poder eclesiástico. O pastor Patrick deve olhar ao redor e ver que há um mundo de possibilidades fora da tirania desses maus administradores da IASD aqui no Brasil.

    Paz em Jesus sempre!
    Jorge Schemes

Deixe uma resposta