Gigantes da Bíblia: Quatro excelentes perguntas de um leitor em dúvida!

hercules_2014_movie-wide

1. Por que Satanás deixou de “brincar” com o DNA?

Temos vários artigos que mencionam a continuidade dessas experiências satânicas, até porque cremos que a intensificação dessas manipulações genéticas é também um dos sinais de que o fim está próximo.

O Dilúvio veio para pôr às experiências demoníacas de amálgama antediluvianas, cujos resultados terríveis entre os animais e contra os seres humanos, levaram Deus a Se arrepender pela Criação e decidir zerar tudo e recomeçar quase do zero, salvando apenas a família de Noé, o único encontrado “perfeito” ou “puro” em suas gerações (ou genética).

Dos animais, Deus deu preferência aos “puros” (não modificados, sete casais de cada), salvando poucos dos “impuros” (modificados geneticamente, apenas um casal de cada). E houve também animais híbridos (de homem e animal, de anjos e animal, de homem, anjo e animal), que foram deixados de fora da Arca.

É o que se deduz de citações dos primeiros escritos de Ellen G. White, publicados antes que ela se corrompesse e transformasse o dom divino em fonte de renda familiar:
Todo joio é semeado pelo maligno. Toda erva nociva é de sua semeadura, e por seus métodos engenhosos de amálgama ele corrompeu a Terra com joio. – Mensagens Escolhidas, volume 2, pág. 288-289.

Mas se há um pecado acima de todo outro que atraiu a destruição da raça pelo dilúvio, foi o aviltante crime de amálgama de homem e besta que deturpou a imagem de Deus e causou confusão por toda parte. Spiritual Gifts, Vol. 3, pg.64, 1864.

Toda espécie de animal que Deus criou foi preservada na arca. As espécies confusas que Deus não criara, resultantes da amálgama, foram destruídas pelo dilúvio. Desde o dilúvio, tem havido amálgama de homem e besta como pode ser visto nas quase infindáveis variedades de espécies animais e em certas raças de homens. (Ellen G. White, em Spiritual Gifts, Vol. 3, pg. 75, 1864)

Observe que nesta última citação, EGW assegura que “desde o Dilúvio, tem havido amálgama entre homem e besta…” O autor dessa amalgamação ou mistura é Satanás, “por métodos engenhosos” ou engenharia genética, ela diria em linguagem mais atual. O pecado que trouxe a destruição do planeta nos dias de Noé, está se repetindo, como Cristo profetizou. E irá novamente motivar a ação divina, pois hoje mais do que nunca na história terrestre estamos próximos da “criação” de uma nova raça humana, que poderia se perpetuar pela eternidade, em contínua rebelião contra o Céu. Desde o início, através da manipulação genética, o Diabo tenta provar que o homem pode ter vida eterna sem se sujeitar a Deus.

Sobre esse assunto recomendamos a visualização dos seguintes textos e vídeos:

2. Por que anjos caídos pararam de fazer sexo com as “filhas dos homens”? Não deveria existir nefilins hoje?

Eles não pararam! Prova disso são os frequentes casos de abduções, visitas noturnas de “espíritos” abusadores, possessão demoníaca seguida de relações sexuais em cultos espiritualistas, etc. A engenharia genética satânica está produzindo seus nefilins modernos. E cremos que o futuro Anticristo, filho da perdição, será também híbrido humano-demoníaco, semente de Satanás, a quem Cristo derrotará.

Sugestão de leitura: Além dos artigos mencionados acima, recomendamos também este aqui:

3. Os editores do site crêem que no Céu vamos esquecer o que vivemos aqui na Terra?

Não. As lições do tempo presente perdurarão por toda a eternidade. Os resultados funestos do pecado, porém, já não nos provocarão dor, pranto, luto, saudade… Mas as alegrias do tempo porvir, ao desenrolar-se a Eternidade, farão com que não mais nos lembremos com tristeza desse breve tempo em que sofremos. Maravilhas com as quais não sonhamos, nem sequer imaginamos, estão sendo neste momento preparadas por Cristo nos lugares celestiais!

4. Todas as imagens do site para anjos estão relacionadas à figura masculina, quer dizer que todo anjo é macho?

Na verdade, a utilização dessas imagens populares da internet, ainda que usadas apenas com caráter ilustrativo e chamativo, causa certo incômodo e preocupação à editoria do site. Primeiro, por se tratar de uma imagem de algo que há em cima no Céu ou embaixo, na Terra, embora não seja produto de escultura. Segundo, o detalhe das asas, sempre presentes nas pinturas, o qual não corresponde à verdade. Nenhum anjo é descrito nas Escrituras como tendo asas, o que os difere dos querubins e das mulheres aladas da visão de Zacarias.

Na Bíblia, todas as vezes em que surgem nos relatos, os anjos são apontados como do gênero masculino e são vistos como homens pelos humanos com quem interagem. Aliás, podemos até hospedá-los ou recebê-los em casa sem saber que são anjos! (Hebreus 13:2.) Quando Cristo retornou ao Céu, dois deles, postaram-se como homens ao lado dos discípulos. “…De repente surgiram diante deles dois homens vestidos de branco, que lhes disseram: “Galileus, por que vocês estão olhando para o céu? Este mesmo Jesus, que dentre vocês foi elevado ao céu, voltará da mesma forma como o viram subir”. Atos 1:10-11.

No Gênesis, apenas as filhas dos homens (ou de Adão) foram por eles seduzidas. Contudo, no caso de Sodoma e Gomorra, os homens depravados da cidade ficaram excitados com seu porte físico e queriam abusar deles! Nesse tempo, talvez, anjos caídos e humanos do sexo masculino já praticassem o homossexualismo, em seus cultos orgiásticos.

Em Israel, muito provavelmente para evitar o contato de mulheres israelitas com anjos caídos, Deus instituiu a circuncisão como sinal de identificação do macho judeu, cuja pureza linhagem deveriam preservar até o nascimento do Messias. Também por essa razão, Jesus Cristo pôde dizer: “…Aí vem o príncipe do mundo; e ele nada tem em mim.” João 14:30.

Cremos, portanto, que os anjos caídos são do gênero masculino (machos), ainda que possam nesses últimos dias disfarçar-se com forma feminina, travestidos, para seduzir humanos do sexo masculino e obter sêmen humano para suas experiências genéticas finais.

Para esclarecimento destas e outras dúvidas, recomendamos também a leitura destes artigos:

6 thoughts on “Gigantes da Bíblia: Quatro excelentes perguntas de um leitor em dúvida!

  1. Meu amigo! Eu não sou pastor mas sou um analista de ideologias e nasci em berço cristão e procuro sentido naquilo que foi revelado para nossa salvação.

    Descobri que existem dois planos de seres viventes envolvidos em um conflito cosmico onde toda criatura inteligente foi criada como autonomo e não automato onde o livre arbitrio como prova do amor do criador nos da o direito de sermos controversiais contra o criador, mas existem normas que estabelecem a ordem e harmonia entre duas partes ( criatura e criador).

    Sem duvidas o criador é soberano e criatura deve imprecindivelmente respeitar estas normas não por obrigação mas sim por voluntariedade e por amor justamente para que a ordem e harmonia possam funcionar perfeitamante.

    Considerando os dois planos temos o plano celestial e o terrestre.

    No plano celestial implica em retratação de Lucifer da sua arrogancia e rebeldia contra o criador.

    No plano terrestre implica na restauração da imagem e semalhança de Deus (a raça humana caida e seduzida por Lucifer)

    O governo de Deus esta fundamentado em duas plataformas (justiça e misericordia).

    Lembre-se que 1/3 dos anjos autonomos foram seduzidos por ideias malignas de que Deus era um ditador tudo porque estabeleceu normas de conduta para que houvesse harmonia no céu.

    Lucifer semeou duvidas na mente dos anjos.

    Vamos reconhecer que o ambiente celestial tem outro nivel intelectual que não conhecemos, então nos limitemos ao que foi revelado.

    Os anjos são inteligentes mas Lucifer era o lider com acesso nos concilios estabelecidos por Deus mas não em tudo que se diz respeito à divindade e restrito ao Deus triuno.

    Seu orgulho e jactancia o levou a querer usurpar a honra que não lhe pertencia e não se retratou.

    Coloque-se numa posição de dono de um negocio onde toda tua familia guarda os segredos do negocio por direito, pois são donos, decidem portanto contratar alguem de fora e revela muitas coisas do negocio para que ele administre depositando assim confiança nesssa pessoa.

    Chega um dia que por ser um administrador se cre no direito de possuir os segredos da familia apesar de ja ter bastante honra no negocio. Não lhe é permitido e ai se rebela contra os donos fazendo fofoca aos demais empregados que apesar de serem bem remunerados e considerados estão sendo onerados pelos donos em assuntos que eles desconhecem mas que como lider ele descobriu por ter acesso interno.

    Ja ai foi suficiente para criar duvidas em todos os membros dessa corporação.

    Mas como o dono é compassivo pede ao administrador que reconsidere a situação e se retrate levando novas informações aos empregados, mas o orgulho é grande e não se retrata.
    Uma grande parte dos empregados decidem lutar junto ao lider para usurpar a posse da empresa enquanto a outra parte decide ficar ao lado do dono mas com muita duvida na mente.

    Se o dono aplicasse seu direito de justiça imediato manteria a duvida na mente dos aliados leais. (Leais por medo de perder o emprego ou por reconhecimento da bondade e honestidade do patrão?).

    Ao passo que o patrão tratava de solucionar o problema criado pelo administrador, toda a familia nos segredos internos planejavam montar outra empresa e assim fizeram.

    Esse administrador foi despedido com seus aliados desleais ao patrão e investiram para derrubar a nova empresa e conseguiram atrapalhar a vida dos membros da nova corporação.

    Os membros da nova corporaçâo que não conheciam as plataformas da sede mas conheciam que o administrador da sede se rebelou contra o patrão e trataria de atrapalhar a vida da nova corporação assim mesmo permitiram interferencia do usurpador.

    Lembre-se que o administrador com seus seguidores vieram de uma atmosfera intelectual mais profunda em conhecimento da origem empresarial e a nova empresa ainda estava começando a aprender dos assuntos do patrão, mas por entrar em decadencia em decorrencia de aceitar as ideias do administrador usurpador tambem entrou no desagrado do patrão.

    O patrão por ser nobre fez uma proposta de resgate a nova empresa pois esta não tinha recurso de se restabelecer. As condições de rebeldia entre o administrador e os lideres da nova empresa se apresentaram em niveis diferentes.

    O administrador havia deixado um rastro de duvida de longa existencia na presença do patrão ao passo que na nova empresa as coisas estavam frescas.

    Agora o bom carater do patrão esta em jogo em duas empresas: Na sede e na filial.

    Na filial o peso é maior pois é a soma de duas usurpações com advertencia para não aceitar a proposta do usurpador então a repreensão é mais imediata com direito a resgate enquanto os rebeldes da primeira empresa ja haviam perdido os direitos de permanencia no negocio porque haviam rejeitado todas propostas de reintegração.

    Esse resgate promovido por um dos membros da familia da empresa sede foi a unica maneira de provar a magnificencia do patrão para limpar a duvida que os empregados que permaneceram tinham em relação às acusações falsas que o administrador usurpador fez.

    Para o usurpador e seus aliados não ha resgate mas para a filial sim.

    Essa foi a sentençà imediata de Acã e Onã não para purificar a terra mas para que o povo reconhecesse a rebeldia contra Deus.

    A purificação da terra esta por vir quando Jesus termina seu plano de resgate e destroi por completo todos aliados de Satanas conquistados por ele na atmosfera celestial e terrestre.

    Ja o carater de Deus esta revelado e reinvindicado ante os anjos atraves da morte de Jesus.

    Os anjos não caidos reconheceram o amor de Deus e o obedecem por amor e não por medo como propos Lucifer que Deus é injusto com sua lei.

    Se Deus houvesse destruido de imediato a Lucifer e os anjos rebeldes os que ficaram a seu lado permaneceriam na duvida vendo um Deus tirano e injusto.

    Com a entrega voluntaria de Jesus em resgatar a humanidade caida Deus mostrou o equilibrio do seu governo (justiça e misericordia).

    Diante da raça humana ficou demonstrado o Seu infinito e imensuravel amor.

    Se vc se coloca no lugar de dizer se Deus é justo ou não vc não estaria se posicionando como criatura, porem se vc reconhece que é criatura e depende da gŕaça do Senhor por ser pecador estaria rejeitando a proposta de rebeldia do inimigo pois essa foi a ideia dele em dizer que Deus era injusto sem mesmo haver sentenciado a ninguem. A sentença so vem depois da desobediencia e não antes.
    Quando Jesus volte vira como juiz para dar a sentença aos injustos, ou vc cre que todos bons e maus merecem o mesmo
    galardão?

    Esta vc satisfeito em viver num mundo de criminalidade, imoralidade, enfermidade , calamidades ,guerras , fome e pestilencias e maldade em geral?

    Deus tem o seu tempo e não diga como Ele tem que fazer, simplesmente aceite a proposta de te dar uma vida melhor.
    Procure saber se não é vc mesmo que esta se deichando enrolar pelo inimigo.

    Estude a palavra de Deus para ter as respostas que pais e pastores não te podem dar ou é vc que não viu a simplicidade como Deus se revela?

    Que o Espirito de Deus te ilumine e te de esperança da salvação.

    Quando chegar ao ceu não pergunte porque Deus não destruiu a lucifer de imediato e a Acã e Onã sim.

    Pergunte a ele como sua graça chegou ate voce?

    Que Deus te abençoe.

  2. Quero perguntar uma coisa… que Deus é este então que prefere matar as criaturas que não pediram para nascer (Neflins) ao invés de destruir logo o Diabo de vez? Comparo isso aos relatos na Bíblia sobre a morte de Onã e Acã.. Se estas criaturas tinham que ser destruídas para que o povo não tivesse mais contaminação, então destruía logo a fonte de tudo, não acham? Se foi esta a forma como Deus agiu de fato, não há que se falar em justiça neste caso e sim em arbitrariedade.

    1. Não há qualquer arbitrariedade. Deus alertou que o salário do pecado seria a morte. Depois que Adão e Eva pecaram, tanto eles quanto sua descendência estavam todos condenados à destruição. A geração antediluviano era continuamente má e toda a carne, inclusive a dos animais, havia se corrompido. E os nefilins eram monstros sanguinários que deveriam morrer. O Diabo e seus anjos também morrerão. Mas a hora dessa morte é Deus, o soberano, quem decide, por seus próprios e inquestionáveis critérios.

      1. Minha pergunta não foi respondida. Se os Nefilins que não pediram para nascer, Acã e Onã deveriam morrer para haver a purificação na Terra, por que então não destruiu o diabo que é a fonte de todo o mal?

          1. Qualquer pergunta é fácil ou difícil de responder. No caso do leitor que fez essas 04 perguntas difíceis, mesmo assim vocês responderam magistralmente. Mas a que eu fiz nenhum um ser (divino ou não) jamais poderá responder. Desde pequeno venho perguntando aos meus pais, pastores e todos só enrolam. Mas responder mesmo ninguém nunca poderá. Nem para Deus farei este questionamento. Apenas não foi justo e pronto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *